8 dicas para fazer flexões corretamente

20 de setembro de 2019
As flexões são um dos exercícios básicos mais realizados pelos atletas como parte de qualquer treino. No entanto, a maneira adequada de realizar flexões não é tão conhecida.

Trata-se de um exercício básico. Não envolve mais do que flexionar e esticar as articulações de forma sequencial, suportando o próprio peso corporal. Muito populares desde a idade escolar, as flexões fazem parte dos treinos de um grande número de pessoas.

Em termos gerais, o nome desse exercício está associado aos músculos da parte superior do core. No entanto, apesar de serem simples e muito praticadas, fazer flexões corretamente nem sempre é tão fácil quanto parece.

O corpo é uma estrutura que requer a atenção adequada para um funcionamento ideal. Para mantê-lo exercitado e saudável, é necessário que qualquer movimento seja realizado corretamente. Nesse sentido, o conhecimento e a aplicação adequada das técnicas de treino são essenciais.

Por que muitas pessoas realizam esses exercícios?

O motivo para fazer flexões está nos benefícios que elas proporcionam no que se refere à qualidade de vida. No entanto, a pressa ou a ignorância em muitos casos levam a erros que geralmente saem caros. Para evitar complicações, veremos a seguir algumas dicas para fazer flexões corretamente.

Respiração: sob controle

Com mais esforço, o corpo requer uma maior quantidade de oxigênio. Além disso, o cérebro é o consumidor mais exigente. Não respirar adequadamente durante a execução de qualquer exercício pode implicar mais malefícios do que benefícios.

Nas flexões, a entrada e a expulsão de ar são semelhantes às técnicas usadas na natação. Ou seja, inspirar ao descer, expirar ao subir. Além disso, a posição da cabeça é fundamental. Ela deve estar em linha reta e sem pressão, alinhada com a coluna. O queixo nunca deve ficar encostado no peito, nem levantado.

A respiração deve ser superficial. A prioridade é fornecer a maior quantidade de oxigênio para a parte superior do peito. Encher o diafragma de ar não é importante. É o oposto do que acontece quando são realizados exercícios com cargas pesadas ou para atividades como o canto.

Para fazer flexões corretamente, aqueça e alongue primeiro

O exercício, apesar da sua simplicidade, deve se adaptar à idade, ao peso e à experiência do praticanteIgualmente importante é a fase inicial de aquecimento e o alongamento muscular antes de cada sessão de trabalho.

Para fazer flexões corretamente, aqueça e alongue primeiro

Isso tem o objetivo de evitar contraturas, torções, entorses e até fraturas. São movimentos rápidos e fáceis de executar.

Fortalece a estrutura musculoesquelética

Quando se trabalha a parte superior do corpo, estão envolvidos os seguintes músculos: tríceps braquial, peitoral maior, serrátil anterior e deltoide posterior. Conhecê-los é tão conveniente quanto fazer as flexões corretamente.

O segredo é manter o corpo reto da melhor maneira possível. Da mesma forma, é preciso assegurar que a tensão esteja centralizada na área abdominal.

Posição das mãos: outro fator importante

As mãos devem estar na altura dos ombros com as palmas estendidas. Os dedos abertos, direcionados para fora e retos, especialmente o dedo do meio. Dessa maneira, a base é aumentada.

Costas retas

O tronco deve ficar reto em todo momento, semelhante à posição de prancha. As pernas também devem ficar retas, com uma separação mínima entre os pés. Assim, facilitamos a manobra do bracing, que consiste em ativar os glúteos e toda a região lombar e abdominal.

Dieta: sempre um fator determinante

A necessidade energética de uma pessoa que se exercita regularmente é diferente de outra que leva uma vida sedentária. As horas de sono e uma dieta balanceada fazem parte do pacote para que qualquer treino seja bem-sucedido.

Sempre estável

Para fazer as flexões corretamente, é vital manter a estabilidade da pélvis e das vértebras lombares. Os cotovelos devem permanecer a uma distância segura do tronco. Além disso, girar os ombros para dentro evita lesões no manguito rotador.

Também é importante proteger as escápulas. Para isso, se você não tiver controle e domínio suficientes do corpo, é aconselhável adiantá-lo ligeiramente.

Muito populares desde a idade escolar, as flexões fazem parte dos treinos de um grande número de pessoas

Pedir ajuda a um treinador?

Uma vez tomada a decisão de se exercitar, nunca será demais contar com uma pessoa cujos conhecimentos auxiliem no processo de treinamento. Com esse tipo de aconselhamento, pode-se evitar acidentes, ou pelo menos minimizar as consequências negativas.

Em suma, as flexões estimulam a dinâmica do corpo. Adicione-as ao seu treino se você ainda não o fez e potencialize sua força com esse excelente trabalho.