Você conhece o exercício powerwalking?

7 de novembro de 2019
As caminhadas são boas para a saúde cardiovascular, e o powerwalking está entre elas.

Há uma ideia profundamente enraizada entre algumas pessoas: caminhar não é exercício – pelo menos comparado a outras atividades como correr ou andar de bicicleta. Mas o exercício powerwalking é muito mais do que apenas caminhar ou sair para passear, e a lista de benefícios que sua prática regular traz ao corpo é ampla.

É uma alternativa para quem quer praticar esportes, mas não quer ou não pode correr. Além disso, representa um treino simples e muito personalizável, por isso se adapta às capacidades de cada indivíduo.

Fugindo do estilo de vida sedentário: o objetivo de muitos

O ritmo de vida das grandes cidades é capaz de acabar com a paz de espírito de qualquer pessoa. Muitas vezes, quando temos tempo livre disponível, o que desejamos é passar o dia de pijama, sem sair de casa, em vez de tirar proveito para se exercitar ao ar livre.

Um dos fatores que mais aumenta os riscos de mortalidade prematura é um estilo de vida sedentário. Portanto, para escapar disso, recomenda-se começar a movimentar o corpo imediatamente de forma regular. Nesse sentido, o powerwalking é uma excelente opção.

Onde e como

O powerwalking pode ser realizado em qualquer espaço da cidade: parques, praças e campos. Não é necessário suspender a prática ao sair de férias (caminhar na praia é um bom plano) ou em uma viagem de negócios.

Além disso, não requer equipamento especial. Para incluir essa atividade na sua rotina diária, somente o tempo e a determinação serão necessários.

No entanto, o uso de roupa esportiva de acordo com a época do ano é importante. Assim como o uso de sapatos confortáveis ​​e não muito pesados, com os quais você possa caminhar por longas distâncias sem afetar a integridade dos pés.

Postura e ritmo do exercício powerwalking

Uma das chaves ao implementar a técnica é manter uma boa posturaCom isso, evita-se qualquer tipo de lesão, além de otimizar o desempenho do organismo.

Na prática, o powerwalking é o mesmo que queimar gordura, tonificar os músculos (principalmente os da parte inferior do corpo) e fortalecer os sistemas respiratório, cardiovascular e imunológico.

Amigas fazendo caminhada

A caminhada deve ser feita com passos rápidostendo plena consciência da respiração. Além disso, você precisa manter as costas retas, o peito para cima, o olhar para frente e os ombros para trás e um pouco para baixo.

Tudo isso deve ser acompanhado por uma tensão constante na parede abdominal. Ao fazer isso, além de estar atuando diretamente nessas áreas, também serve para proteger a região lombar.

O ideal é desenvolver uma velocidade aproximada de sete quilômetros por hora. Os mais experientes geralmente incluem algumas variantes, como a aceleração progressiva ou a implementação de mudanças constantes de ritmo.

Um passo antes da prática do running?

O exercício powerwalking é uma boa escolha para aqueles que desejam entrar no mundo do running, mas não têm as condições físicas mínimas.

Da mesma forma, essa atividade é recomendada para aqueles corredores que estão saindo de processos de recuperação de uma lesão. Também como descanso ativo para facilitar os processos de recuperação e regeneração muscular após intensas competições ou treinamentos.

Como qualquer atividade esportiva, um aquecimento que permita que o aparelho muscular se prepare para a sessão de exercícios deve ser realizado. Você também precisa de um programa de alongamento para terminar, com movimentos que facilitem o relaxamento muscular.

Outros benefícios do powerwalking

Em combinação com uma dieta equilibrada, é um método ideal para perder e manter o peso corporal. Em uma única sessão, cerca de 400 calorias podem ser queimadas. Entre 45 e 60 minutos de caminhada, três ou quatro dias por semana, será mais do que suficiente para criar uma rotina muito saudável.

Outros benefícios do powerwalking

powerwalking ajuda no aumento da capacidade pulmonar,da resistência e ajuda a reduzir a pressão arterial. Fortalece as pernas, define as panturrilhas e facilita a construção de um abdômen reto, além de influenciar positivamente todo o núcleo do corpo.

Como uma boa atividade aeróbica, permite que você mantenha o colesterol ruim sob controle. Também estimula a secreção de endorfinas. Esse é um fator que promove um estado de prazer, relaxamento e bem-estar após o exercício.

Finalmente, esse exercício estimula o equilíbrio entre o corpo e a mente, sem criar uma fadiga excessiva ou estresse nos tecidos e articulações musculares. Esses são, precisamente, aspectos considerados por alguns especialistas como contraproducentes para os corredores.