“Treinar demais” pode prejudicar o desenvolvimento muscular?

· 19 de agosto de 2018
O trabalho excessivo do nosso físico pode causar sobrecarga dos músculos, ligamentos, tendões e articulações, e possui consequências. A seguir, explicaremos como o overtraining prejudica o desenvolvimento muscular.

Ao realizar exercícios na academia, um dos pontos mais importantes a ter em mente é que cada pessoa tem sua própria força, capacidade de recuperação e resistência e, portanto, seus próprios limites. Treinar demais pode, ao invés de ajudar, atrapalhar os nossos resultados.

Além disso, os iniciantes podem ter a tentação de querer pular as etapas e tentar ganhar músculo o mais rápido possível. No entanto, o risco de treinar demais e sofrer de overtraining prejudica o desenvolvimento muscular, que é contrário ao objetivo desejado.

Certamente, muitas pessoas, especialmente os iniciantes, acabam caindo no erro de treinar demais, pensando que isso os ajudará a atingir os objetivos muito mais rapidamente. Pelo contrário, os músculos precisam de um descanso mínimo. Portanto, é necessário levar algumas dicas em consideração.

Os músculos se reconstroem durante o período de recuperação. Se você elimina o descanso, ao mesmo tempo torna impossível qualquer possibilidade de ganho de massa. Para remediar este problema, recomendamos que você deixe os músculos trabalhados descansarem o suficiente.

Treinar demais prejudica o desenvolvimento muscular

O overtraining geralmente afeta os iniciantes, pois estes são mais sensíveis ao esforço. O principal problema ainda é a velocidade da progressão. Muitas pessoas tentam treinar com muita frequência, sem dar tempo aos músculos para se recuperarem.

Mulher malhando braços com halteres

A recuperação é um dos pilares do desenvolvimento muscular, juntamente com a nutrição e o treinamento. Se isso não for respeitado e você treinar demais, a estratégia será claramente contraproducente e não afetará apenas a saúde, mas também o desempenho.

Além disso, você deve saber que as lesões ocorrem principalmente em dois casos. O primeiro é quando um movimento é mal executado e o segundo quando o corpo já não é mais forte o suficiente para reagir da maneira habitual. O treinamento excessivo, ou seja, treinar demais, entra no segundo caso.

Portanto, mantenha-se razoável em termos de objetivos: não tente ir muito rápido ou forçar seus limites. Alcançar um resultado necessariamente requer tempo. Leve o tempo que for apropriado!

Ganho muscular e descanso

A recuperação é uma parte integrante do processo de ganho muscular. De fato, é durante o descanso que a massa muscular se regenera.

Uma ausência ou falta de descanso é contraproducente para o atleta. Por exemplo, após dois dias de treinamento, um período de descanso é recomendado, caso contrário, o corpo não terá tempo suficiente para se recuperar por completo.

Mulher fazendo supino inclinado

Da mesma forma, o sono do atleta deve ser completo, porque é o momento da liberação do hormônio de crescimento.

Dicas para evitar o overtraining

Estas são algumas dicas que você deve levar em conta para evitar o overtraining ou sobretreinamento e evitar que ele prejudique o seu desenvolvimento muscular. Anote!

1.- O número de sessões por semana deve ser limitado

Quando as pessoas começam a treinar, elas querem fazer isso tão bem que até tendem a treinar todos os dias da semana. O que devem saber é que realizar exercício 3 vezes por semana já é suficiente. Tenha em mente que dar tempo ao corpo para se recuperar faz parte do processo de construção muscular.

2.- Duração das sessões

A duração das sessões conta. Mais uma vez, tendemos a pensar que treinar 3 horas por dia é melhor do que um pouco 3 vezes por semana. Não pense que o tempo que você gasta na academia determina sua perfeição física.

3.- Dor muscular

Tenha cuidado se sentir dor persistente após o aquecimento. Tenha em mente que ouvir seu corpo irá ajudá-lo a evitar qualquer tipo de lesão que comprometa seu treinamento a longo prazo.  

4.-Diminuição do sistema imunológico

Ao exigir muito do seu corpo sem permitir que ele se recupere você será mais propenso a infecções e resfriados. Isso significa que você poderá adoecer com facilidade.

5.- Outros detalhes

O ideal é descansar entre séries mais curtas ou longas, dependendo da carga. Da mesma forma, se você tiver problemas para dormir ou se não conseguir dormir o suficiente, sua recuperação não será a ideal. Em geral, é necessário dormir 8 horas todas as noites. Este é, em princípio, o tempo que você deve deixar para os músculos se reconstruírem e para reativar o anabolismo.

Mulher dormindo tranquilamente

6.- Nutrição

nutrição é essencial para alcançar um bom equilíbrio e evitar o sobretreinamento. Isto é ainda mais importante para alguém que treina intensamente enquanto reduz sua ingestão calórica.

Por último, lembre-se de que para combater o sobretreinamento é necessário descanso combinado à uma nutrição adequada. Tenha em mente que o treinamento deve respeitar os tempos dedicados à sessão e aos períodos de descanso de acordo com o nosso objetivo.