Alimentos para aliviar as ondas de calor na menopausa

26 de fevereiro de 2019
Uma mulher atinge a menopausa quando ela não tem um período menstrual durante um ano, e as mudanças e sintomas podem começar vários anos antes; conheça alguns alimentos que podem te ajudar nesse processo!

A menopausa é a época da vida de uma mulher em que ela deixa de menstruar. Geralmente ocorre naturalmente, mais frequentemente após os 45 anos e possui uma série de sintomas. Hoje, veremos como podemos aliviar as ondas de calor a partir da alimentação.

A menopausa ocorre porque os ovários de uma mulher param de produzir os hormônios estrogênio e progesterona. Os sintomas mais comuns são geralmente: dificuldade em dormir, mudança de humor e as ondas de calor.

A seguir, falaremos sobre alguns dos alimentos que você pode consumir para aliviar as ondas de calor neste momento da sua vida.

Alimentos para aliviar as ondas de calor

Caldo ou sopa

Eles são fáceis e rápidos de fazer, além de ajudar você a se manter hidratada e nutrida. Não se esqueça que você pode adicionar algas, cebolas, nabos e raízes. A medicina tradicional chinesa recomenda comer alimentos de cor escura, como frutas vermelhas.

Banana

É aconselhável comer uma banana a cada dois ou três dias, e melhor se estiver verde (pouco madura) do que muito maduro.

Isso ocorre porque a banana mais verde é mais rica em amido resistente, que é o que não pode ser absorvido pelo intestino e é usado pelas bactérias boas no cólon para se alimentar. Além disso, este alimento contém triptofano que favorece a formação de serotonina.

Bananas cortadas

Tempeh

O tempeh é um produto alimentício da fermentação da soja que é nativo da Indonésia. Recomenda-se consumi-lo duas vezes por semana e cozinhá-lo fervido, marinado ou mesmo salteado.

O clássico é feito de soja, mas o de grão de bico é mais fácil de digerir. É recomendado por seus probióticos que enriquecem a microbiota intestinal.

Ervilhas

Este alimento como um vegetal fresco contribui para manter a flora intestinal saudável e é rico em proteínas que são muito necessárias para a formação óssea.

Elas também nos dão cumestranos, que são outro tipo de fitoestrógenos. Recomenda-se que você coma ervilhas duas vezes por semana como prato principal e uma como acompanhamento.

Sementes de Linhaça

Essas sementes são ricas em lignanas que ajudam a manter a atividade estrogênica e isso faz com que a maioria dos sintomas causados pela fraca adaptação às alterações hormonais sejam aliviados. Consuma duas colheres de sopa por dia, pode ser moída na hora e adicionada ao shake, salada ou molho.

Nozes

A noz favorece a fabricação de serotonina no intestino, isso porque contém triptofano e é também um alimento rico em gorduras saudáveis. Não se esqueça de comer cerca de três nozes por dia, que podem ser acompanhadas por outras oleaginosas.

Nozes

Alcaçuz seco

É consumido em infusão, o melhor é preparar uma infusão diária de alcaçuz seco com uma colherada deste e meio litro de água, você também pode adicionar anis para melhorar o sabor.

Esta infusão ajuda a formar a serotonina no intestino. Por outro lado, se você é uma pessoa com pressão arterial baixa, pode te ajudar a aumentá-la.

Sementes de girassol

O mais recomendado é consumir uma dose de uma ou duas colheres de sopa por dia na salada, arroz, molhos ou qualquer outra receita que você quiser.

Você pode consumi-las naturalmente, levemente tostadas ou ensopadas para aproveitar melhor suas gorduras e todos os nutrientes. Estas sementes fornecem aminoácidos básicos que ajudam a prevenir a perda de massa muscular e tecido ósseo.

Cenoura crua

Este alimento deve ser consumido crua, porque se você cozinhar pode perder propriedades benéficas para aliviar esses sintomas. As cenouras são boas para o complexo de vitamina A, o complexo de vitamina C e os nutrientes essenciais.

Como você viu neste artigo, existem muitos alimentos que você pode consumir para ajudar a aliviar as ondas de calor durante a menopausa.

Se você está neste momento hormonal, não hesite em consumi-los e adicioná-los à sua dieta para se beneficiar de seus múltiplos benefícios. Coma um ou mais desses alimentos e veja como você vai conseguir aliviar as ondas de calor.

Jesse, C. S. (2012). Terapia nutricional durante o climatério e menopausa.
Borrelli, F., & Ernst, E. (2010). Alternative and complementary therapies for the menopause. Maturitas, 66(4), 333-343.