Tudo que você precisa saber sobre o treino com corda naval

· 21 de setembro de 2018
O treino com corda naval tornou-se muito popular devido aos seus benefícios para o corpo. A seguir, oferecemos alguns exercícios. Anote tudo e escolha o seu exercício favorito!

Uma nova forma de treinamento chegou às academias. Trata-se do treino com corda naval e representa uma opção ideal para aqueles que procuram um treino de corpo inteiro, dinâmico e explosivo.

Certamente, as cordas navais são grandes e pesadas, o que agrega resistência para trabalhar os músculos. Entre os seus benefícios temos que o treino com corda naval fortalece os músculos abdominais, os braços e os ombros, além de possibilitar um treino de corpo inteiro de uma só vez.

Tenha em conta que o treino com corda naval ativa todos os grupos musculares simultaneamente e permite a liberdade de movimento. Se o que você quer é um condicionamento da parte superior do corpo, as cordas são a melhor ferramenta. Descubra alguns exercícios a seguir.

Exercícios para um treino com corda naval

1.-Ondas alternadas

O primeiro movimento que apresentamos é um dos mais básicos. O movimento de ondas concentra-se em tonificar os braços e os ombros, ao mesmo tempo em que aumenta o ritmo cardíaco. Para fazer esse exercício, você precisa segurar uma corda em cada mão, com as palmas das mãos de frente uma para a outra e os polegares na parte superior da corda.

Em seguida, estenda os seus braços, flexionando ligeiramente os seus joelhos. Levante um braço à altura do ombro e, quando o deixar cair para baixo, levante o outro braço até a altura do ombro e mantenha esse padrão alternado. Tente fazer todo o movimento na posição de agachamento se quiser trabalhar mais a parte inferior de seu corpo.

Mulher trabalhando com corda naval

2.-Saltos

Em seguida, apresentamos os saltos de tesoura como um dos exercícios que configuram nossa lista do treino com corda naval. Esse movimento combina o tradicional salto com as cordas para obter uma maior intensidade. Tal como acontece com os outros movimentos, você deve levantar-se com uma ligeira inclinação na altura dos joelhos.

Você deve segurar uma corda em cada mão com uma pegada inversa e realizar o exercício tradicional de saltos. Ele consiste em fazer saltos laterais para fora e para dentro, enquanto os seus braços sobem e descem. A resistência que as cordas adicionam irão fortalecer não só os braços e ombros, mas também todo o corpo. O exercício deve ser feito durante 1 minuto.

3.-Golpes laterais

Em terceiro lugar, para levar a cabo esse exercício, você precisa começar de pé, com uma corda naval em cada mão. Em seguida, levante as duas mãos sobre a sua cabeça enquanto gira o seu corpo para a direita e avança com o pé direito.

Tenha em conta que enquanto se lança, você deve puxar as cordas para baixo, para que elas toquem o solo no ponto mais baixo de sua investida. Repita no outro lado, nesse caso avançando para a frente com a perna esquerda. Você deve alternar 10 repetições de cada lado.

Homem fazendo golpes laterais com corda naval

“Nunca abaixe a cabeça. Nunca se dê por vencido e se sente para chorar. Encontre outra maneira”

–Satchel Paige–

4.-Movimentos laterais com ondas alternadas

Para começar esse exercício, você deve se colocar-se de pé enquanto mantém uma corda naval em cada mão. Os pés devem estar mais abertos que a largura dos ombros, com os joelhos levemente flexionados. Comece arrastando os pés para a direita enquanto você levanta a mão direita e a corda até o nível dos ombros.

Simultaneamente, abaixe com a mão esquerda e a corda para baixo no nível do quadril. Essa investida deve ser feita com força para que as cordas se movam em direções opostas.

Você deve alternar os braços rapidamente enquanto se move 5 passos para a direita. Sem parar o movimento dos braços, mude a direção e dê 5 passos para a esquerda, enquanto isso, continue movendo a corda com ondas alternadas. Para terminar o exercício, você deve repetir 3 vezes em cada direção.

5.-Círculos com o ombro

Apesar de ser um movimento aparentemente simples, o nosso último exercício é ideal para fortalecer os ombros. Para começar, você deve ficar com os pés afastados na largura dos ombros e os joelhos ligeiramente flexionados.

Em seguida, segure a corda com as palmas da mão para baixo, levante os braços sobre os ombros e mova os braços como se estivesse desenhando círculos. Lembre-se que você deve realizar os círculos no sentido horário do relógio durante 30 segundos para depois fazê-lo no sentido contrário, durante 30 segundos.

Finalmente, lembre-se de que a corda naval é ideal para a queima de gordura e o desenvolvimento muscular. O treino com a corda naval também melhora a capacidade cardiovascular. Então, o que você está esperando para começar o seu treino com corda naval?