As melhores dicas para tonificar os glúteos

· 12 de dezembro de 2018
Apesar de ser um dos objetivos mais comuns das pessoas que entram na academia, nem sempre é fácil tonificar nossos glúteos, pois há vários fatores que precisamos controlar.

Os glúteos estão localizados na parte inferior das costas, são um tecido de gordura e músculo que os humanos e certos animais possuem. Continue lendo para as melhores dicas para tonificar os glúteos!

Ao longo da história, os glúteos sempre foram considerados uma parte atrativa do corpo; mas além da estética, essas dicas para tonificar os glúteos podem trazer múltiplos benefícios.

Fazer exercícios para tonificar os glúteos não só os torna firmes e dá boa forma, mas também melhora a postura e reduz a dor lombar. Além do exercício, existem algumas outras dicas que você pode aplicar para reafirmar aquela área do corpo que é tão chamativa.

Glúteos firmes, fortes e lisos ficam excelentes com qualquer peça de roupa e, ao mesmo tempo, são um símbolo de boa condição física.

Costuma-se dizer que para tonificar seus glúteos é preciso fazer muitos agachamentos, e sim eles são realmente eficazes. Mas há muitos outros fatores que influenciam nos resultados e muitas outras dicas para tonificar os glúteos. Anote!

As melhores dicas para tonificar os glúteos

1. Use pesos

Os exercícios isométricos e cardiovasculares que utilizam apenas o peso do corpo são essenciais para moldar e obter bons glúteos. Mas os pesos são um elemento essencial para fortalecer e, por sua vez, tonificar a área posterior. Existem diferentes opções de peso que você pode aplicar:

  • Peso tipo barra: esses pesos são os mais comuns em academias e no mundo fitness, com eles você pode fazer exercícios como levantamento de peso ou agachamentos.
  • Pesos no tornozelo: este tipo de peso é bastante eficaz para tonificar, já que o peso recai sobre os músculos que se conectam diretamente com os glúteos. Basicamente podemos realizar qualquer exercício que venha à mente, como correr, levantar ou pular as pernas, entre muitos outros.
  • Pesos russos: os pesos russos ou kettlebell são perfeitos se você gosta de se exercitar em vários lugares, já que eles são fáceis de manipular. Os exercícios mais apropriados para os glúteos são os agachamentos sumo ou os swings, segurando o peso com as duas mãos.
Mulher fazendo swing com o ketllebell

2. Tome shakes de proteína

As proteínas são macromoléculas formadas por aminoácidos, essenciais para a nutrição humana e animal. O papel desempenhado pelas proteínas nos músculos é de extrema importância, pois fortalece os músculos e fornece o que é necessário para suportar as microfissuras causadas pelo exercício.

Por outro lado, as proteínas são essenciais para tonificar porque a elastina e o colágeno são obtidos através delas; são agentes significativos para manter os tecidos firmes e flexíveis.

As proteínas devem estar presentes em uma dieta balanceada. No entanto, para pessoas que querem reafirmar e fortalecer seus músculos, é bom ingerir uma quantidade considerável de proteína, como por exemplo por meio do whey protein.

Mulher preparando shake com banana

Desta forma, uma excelente opção é consumir shakes de proteína, uma maneira prática e simples de garantir os níveis necessários desse macronutriente.

Além disso, a ingestão desses tipos de bebidas antes ou depois do treinamento é uma prática muito útil, nutricionalmente falando. Há uma variedade de suplementos proteicos e alternativas completamente naturais para selecionarmos aquelas que mais gostamos.

3. Faça cardio

Não se concentre apenas em exercícios de força, o cardio também é estritamente necessário para tonificar os glúteos. O processo de eliminação da gordura que reveste o músculo é essencial para que o este recupere sua firmeza. Além disso, vai ser bom para melhorar nossa saúde.

4. Não deixe de treinar

É muito importante manter um ritmo constante de trabalho para ter glúteos tonificados. Não serve de nada treinar esporadicamente e pretender alcançar nosso objetivo. Então você deve fazer todo o possível para manter a motivação e não abandonar o exercício.

Mulher fazendo afundo com halteres na academia

Embora seja difícil de acreditar, a parte psicológica influencia muito para conseguir todos os aspectos necessários para atingir um objetivo, como neste caso, sendo a última das dicas para tonificar os glúteos.

Há muitas maneiras de manter a motivação viva para atingir o objetivo, você só tem que trabalhar para isso. Não colocar todo o entusiasmo em uma meta só nos faria perder tempo sem realmente conseguir alcançar qualquer objetivo.

Esculpir os glúteos não é uma tarefa tão complicada, basta ter força de vontade e regularidade e implementar essas dicas. Tenha em mente que, além de destacar seus atributos, você também se sentirá melhor quanto à saúde e autoestima. Não hesite em colocar essas dicas em prática!