O que é mais importante: cardio ou treino de força?

17 de junho de 2019
É possível dizer que esta é a pergunta do milhão: qual das opções é a melhor? Na realidade, tudo depende do objetivo que temos, mas também de como podemos tirar proveito de ambas as modalidades esportivas.

Como se fosse uma batalha, esta “briga” continua sendo motivo de discussão entre os especialistas fitness. Neste artigo, tentaremos responder uma pergunta muito importante: cardio ou treino de força?

A pergunta do milhão: cardio ou treino de força?

O que é melhor? Fazer cardio ou levantar peso? Esteira ou halteres? Bicicleta ou barras? Todo mundo se faz as mesmas perguntas e é um pouco difícil de responder de forma que todos fiquem satisfeitos.

Quando o objetivo é conseguir a melhor versão de si mesmo, há duas alternativas: exercícios cardiovasculares ou de força. Se você quer perder os quilos extras, aumentar a massa muscular ou qualquer que seja a sua meta, com certeza enfrenta este dilema.

Na verdade, poderíamos afirmar que tudo depende da meta que você deseja alcançar. Não é a mesma coisa ir à academia para perder peso e suar muito e para ter bíceps e ombros definidos. Da mesma forma, isso não significa que devemos escolher apenas uma destas opções, mas sim combiná-las.

Cardio ou treino de força? Ambos servem para tudo

Como dissemos anteriormente, não se trata de fazer apenas uma das duas, mas sim buscar uma maneira na qual ambas nos ajudem a chegar aos nossos objetivos. Algumas das metas mais comuns entre os atletas e que tanto o cardio como o treino de força podem ajudar a alcançar são as seguintes:

  1. Para perder peso

Costuma-se dizer que para perder peso você deve fazer cardio. Embora esta afirmação seja correta, não é completa. Por um lado, os exercícios cardiovasculares permitem queimar calorias.

No entanto, por outro lado, necessitamos de exercícios que queimem a gordura e construam músculo e aumentem o metabolismo de repouso. Então, neste caso, também precisamos recorrer aos exercícios de força.

  1. Para ter mais resistência

Este pode ser nosso objetivo se, por exemplo, queremos nos dedicar à corrida ou a qualquer outra atividade em que a resistência seja fundamental. O cardio nos torna mais eficientes, oxigena os pulmões e nos ajuda a chegar ao nosso objetivo.

Menina correndo feliz

No entanto, o treino de força também tem o seu lado positivo: fortalece os músculos, e isso se traduz em um melhor rendimento.

  1. Para eliminar o estresse

Cada vez mais as pessoas fazem exercícios porque estão muito estressadas. Entre elas também surge a dúvida do que escolher: cardio ou treino de força? Por um lado, os exercícios cardiovasculares aumentam os níveis de serotonina (o hormônio da felicidade) no organismo.

Por outro lado, o levantamento de peso ajuda a melhorar a produção de endorfina, que é responsável por enfrentar a dor e o esforço, tanto físico quanto mental.

  1. Para evitar lesões (ou curá-las)

Talvez você tenha sofrido algum acidente ou tenha uma lesão que te impede de aproveitar a vida como antes. Neste caso, provavelmente os médicos lhe recomendaram que faça exercícios. Diante destas circunstâncias, tanto o cardio como os treinos de força poder ser benéficos.

O exercício cardiovascular leve como caminhar, por exemplo, serve para que o corpo se acostume aos poucos com o movimento. No caso do treino de força,os músculos ficarão mais fortes e se curarão mais rápido.

  1. Para melhorar a autoestima

Não há nada melhor para alguém que não se sente bem consigo mesmo do que fazer exercícios, não importa qual seja. Você sabia que os corredores e nadadores tem altos níveis de confiança cada? Isto acontece devido à endorfina que o corpo libera quando praticamos um esporte.

Tanto o cardio quanto o treino de força servem para moldar o corpo e fazer com que nos vejamos “mais bonitos”, seja diminuindo o peso ou definindo os músculos. Talvez isso seja o que falta para melhorar sua autoestima.

Mulher ao levantar peso

  1. Para viver mais

Embora aqui o cardio “vença” porque reduz o risco de obesidade, hipertensão, diabetes tipo 2 ou osteoporose, o treino de força previne o acúmulo de gordura abdominal, responsável por muitas doenças mortais.

Portanto, a próxima vez que você se perguntar se é melhor fazer cardio ou treino de força, pense melhor no que você deseja alcançar e de que maneira você pode combinar as duas modalidades.

Como você pôde ver, as duas tem benefícios. Anime-se e inclua as duas modalidades nos seus treinos e obtenha os resultados que você está esperando!