Os atletas veganos estão em desvantagem?

30 de abril de 2019
Existem muitos benefícios associados às dietas veganas. Neste artigo, analisaremos se os atletas veganos estão em desvantagem em relação aos outros.

O consumo de produtos de origem vegetal está cada vez mais na moda devido aos múltiplos benefícios que eles proporcionam à saúde. Neste artigo vamos saber se os atletas veganos estão em desvantagem pelo fato de não consumirem produtos de origem animal e como isso pode afetar seu desempenho.

Certamente os atletas têm necessidades nutricionais especiais para poder suportar um alto nível de exigência. No entanto, e para surpresa de muitos, os atletas podem prosperar com uma dieta completamente vegana. 

De fato, a dieta vegana é benéfica porque é rica em fibras e antioxidantes e pobre em gorduras saturadas. Este estilo de vida está ficando mais popular e foi demonstrado que proporciona inúmeros benefícios para a saúde.

Além disso, pesquisas têm demonstrado que os alimentos vegetais são benéficos para melhorar a saúde e reduzir os fatores de risco para doenças. A seguir, apresentamos alguns fatos que você deve saber a respeito disso. Além disso, também explicamos quais são os benefícios de seguir uma dieta vegana se você for um atleta.

O que você deve saber?

Antes de mencionar seus benefícios, vamos detalhar algumas questões básicas:

  • Geralmente os vegetarianos são mais saudáveis, têm menos risco de sofrer de doenças cardíacas e de obesidade.
  • As dietas veganas podem fornecer proteína suficiente para os atletas. No entanto, há aqueles que precisam de doses adicionais para suportar as exigências físicas extremas e para reparar os danos musculares causados por treinos intensos.
  • Os alimentos como os laticínios e os ovos são as formas fáceis de obter proteínas em uma dieta vegetariana, mas são proibidos na dieta vegana.
  • É possível que alguns atletas veganos tenham pouca creatina, um nutriente obtido somente através da carne e que pode ajudar durante breves episódios de exercício intenso, como o sprint.
Benefícios da dieta vegana para os atletas

Vantagens dos atletas veganos

Se você é um atleta, pode desfrutar de um grande número de benefícios ao seguir uma dieta vegana. A seguir, contamos quais são.

1. Saúde cardiovascular

Como a dieta vegana é pobre em colesterol e gorduras saturadas, com ela é possível manter facilmente uma excelente saúde cardiovascular.

Um sistema cardiovascular em condições ideais pode te ajudar a correr por mais tempo, pular mais alto e treinar mais intensamente com regularidade. Tudo isso com tempos de recuperação rápidos entre os treinos.

Não se esqueça que, quando o sistema cardiovascular está em boa forma, fica mais fácil respirar, manter a resistência e, inclusive, manter-se motivado durante os treinos e as competições.

2. Aumento da resistência

Muitos atletas atribuem às suas dietas veganas uma maior resistência e, por sua vez, um melhor desempenho na prática esportiva. Com este tipo de alimentação, a resistência ideal é mais fácil de alcançar. Ao mesmo tempo, mantém-se um estilo de vida saudável.

3. Boa manutenção física

É claro que uma dieta bem equilibrada é importante para a manutenção do corpo. Como as dietas veganas não contam com gorduras saturadas em excesso, é muito mais fácil manter o físico necessário para competir como atleta e não se sobrecarregar com quilos extras.

Incluir legumes, frutas e verduras como base de qualquer dieta promoverá a saúde a longo prazo e permitirá manter-se bem fisicamente.

O que você deve saber sobre a dieta vegana

4. Melhor funcionamento do corpo

A fibra associada ao consumo de muitas frutas e vegetais ajuda a otimizar a digestão e a minimizar o inchaço da barriga, o que pode favorecer o seu treino. Além disso, deixar de comer produtos de origem animal mantém as veias limpas. Assim, você não precisa se preocupar com os níveis de colesterol e as artérias entupidas.

Como se isso fosse pouco, a maioria das frutas e verduras contêm uma grande quantidade de antioxidantes. Este é o motivo pelo qual adotar uma dieta vegana o ajudará a diminuir alguns dos danos causados ​​pelo exercício físico intenso.

Portanto, há vários benefícios relacionados à esta dieta que mostram que os atletas veganos não estão em desvantagem. No entanto, sempre deve-se ter em mente algumas considerações para atletas devido ao potencial déficit vitamínico e mineral.

A recomendação mais importante nestes casos é certificar-se, sobretudo, de receber as vitaminas e os minerais necessários para o corpo. Naturalmente, consultar um profissional de nutrição é mais que necessário.

  • Craddock, J. C., Probst, Y. C., & Peoples, G. E. (2016). Vegetarian and omnivorous nutrition-comparing physical performance. International Journal of Sport Nutrition and Exercise Metabolism26(3), 212–220. https://doi.org/10.1123/ijsnem.2015-0231
  • Gabrielle M. Turner-McGrievy, Wendy J. Moore, and D. B.-A. (2016). The Interconnectedness of Diet Choice and Distance Running: Results of the …: EBSCOhost. International Journal of Sport Nutrition and Exercise Metabolism, 205–211. https://doi.org/10.1123/ijsnem.2015-0085
  • Glick-Bauer, M., & Yeh, M. C. (2014, October 31). The health advantage of a vegan diet: Exploring the gut microbiota connection. Nutrients. MDPI AG. https://doi.org/10.3390/nu6114822
  • Barnard, N. D., Cohen, J., Jenkins, D. J. A., Turner-McGrievy, G., Gloede, L., Jaster, B., … Talpers, S. (2006). A low-fat vegan diet improves glycemic control and cardiovascular risk factors in a randomized clinical trial in individuals with type 2 diabetes. Diabetes Care29(8), 1777–1783. https://doi.org/10.2337/dc06-0606