9 ideias de shakes para aumentar os músculos

25 de fevereiro de 2019
Te mostramos algumas ideias de shakes que você pode começar a tomar, sem esquecer de continuar fazendo atividade física; você pode prepará-los em casa com ingredientes naturais.

Praticar esportes e treinar constantemente é fundamental para aumentar sua massa muscular. A alimentação também é importante, e até mesmo essencial, na busca desse objetivo. E por isso hoje trazemos receitas de shakes para aumentar os músculos que você pode incluir na sua dieta.

Se você adicionar alguns desses shakes naturais à sua dieta, você desenvolverá seus músculos de forma mais eficaz. Se o que você está procurando é aumentar o crescimento de seus músculos, o mais importante é tomar shakes com alto teor de proteína.

Shakes e smoothies podem ser uma opção perfeita para obter calorias extras ao longo do dia de forma rápida, sem ter que sentar para fazer uma refeição.

Aumentar o tamanho dos músculos significa que você deve comer mais e com mais frequência. Se sua meta é ingerir de 250 a 500 calorias saudáveis extras por dia, com esses suplementos você vai conseguir.

Shakes naturais para aumentar os músculos

Shake de ovos

Para fazer este tipo de shake, você só precisa de um litro de leite, três ovos, uma banana e um pouco de aveia. O processo de elaboração consiste em descascar os ovos, separar a clara da gema, misturar com a banana, aveia e leite no liquidificador. Além de conter proteína, é muito saboroso.

Shake de nozes

Sabemos que as nozes são uma boa comida para pessoas que praticam esportes. Para fazer esta receita você precisa de um copo de nozes deixado previamente de molho, um iogurte natural sem açúcar, meio litro de leite desnatado e baunilha líquida. Batemos tudo e está pronto para beber.

Shake de chocolate

Este tipo de shake também é altamente recomendado, porque ele é ideal para recuperar as calorias perdidas durante a atividade física. Você precisa de meia xícara de farinha de aveia, meio litro de leite desnatado, cacau em pó, um quarto de xícara de amaranto e meia colher de café.

Menina batendo proteína no mixer

Shake de atum

Parece estranho, no entanto, é um shake muito saboroso e gostoso. Você só precisa de dois copos de água fervida e uma lata de atum. Bater até que esteja tudo misturado e tomar assim que ele estiver pronto.

Shake de amendoim

Amendoim também é um alimento muito rico em proteínas. Para fazer este shake são necessários 10 amendoins e um copo de leite desnatado. Misture todos os ingredientes no liquidificador e pronto!

Shake de chocolate, amendoim e banana

Precisamos de duas colheres de sopa de proteína de chocolate, metade de uma banana, metade de um iogurte sem açúcar, duas colheres de sopa de manteiga de amendoim, uma colher de coco, um copo de água e gelo.

Neste shake nós temos 460 calorias, 64 gramas de proteína, 29 gramas de carboidratos e 11 gramas de gordura.

Shake de banana

Shake de aveia e whey

Precisamos de 25 gramas de aveia, 50 gramas de mirtilos, 50 gramas de leite desnatado, meia banana, duas colheres de sopa de proteína de baunilha, uma colherada de coco sem açúcar, meia colher de sopa de canela e gelo.

Com este shake, obtemos 460 calorias, 63 gramas de proteína, 39 gramas de carboidratos e 8 gramas de gordura.

Shake de beterraba e amora

Precisamos de 50 gramas de beterraba ralada, 50 gramas de amoras, uma colher de sopa de sementes de chia, 60 gramas de iogurte natural sem açúcar, duas colheres de sopa de proteína de baunilha, uma colher de sopa de extrato de baunilha, um copo de água e gelo.

Forneceremos ao nosso corpo 454 calorias, 69 gramas de proteína, 40 gramas de carboidratos e cinco gramas de gordura.

Shake verde

Precisamos de duas colheres de sopa de proteína de baunilha, metade de um abacate, 20 gramas de espinafre, um kiwi, um copo de água e gelo. Com este shake, obteremos 377 calorias, 55 gramas de proteína, 21 gramas de carboidratos e 23 gramas de gordura.

Shake verde

Em conclusão, tomar shakes ou smoothies é recomendado se você quiser aumentar seus músculos ao praticar esportes. No entanto, você não deve esquecer a atividade física, pois os shakes por si só não lhe darão o efeito desejado.

Marangon, A. F. C., & de Melo, R. A. (2008). Consumo de proteínas e ganho de massa muscular. Universitas: Ciências da Saúde, 2(2), 297-306.