Fazer atividades físicas aumenta a expectativa de vida

· 26 de dezembro de 2018
Conheça o impacto real de fazer atividades físicas habitualmente para todas as idades; entre as melhorias mais notáveis, podemos destacar o aumento da expectativa de vida

Como já sabemos, praticar atividades físicas diariamente traz uma grande quantidade de benefícios para o nosso organismo. Porém, isso não se resume apenas a alguns benefícios simples, pois fazer exercício aumenta a expectativa de vida de quatro e cinco anos, se for um hábito regular.

Fazer exercício aumenta a expectativa de vida?

De acordo com os diferentes estudos feitos pelo Instituto Nacional do Câncer dos Estados Unidos, foi confirmado que fazer exercício aumenta a expectativa de vida por alguns anos.

Para isso, é necessário fazer uma atividade física moderada, mais de três horas por semana, com exercícios tão simples quanto caminhar com um ritmo um pouco mais acelerado do que o habitual.

Além disso, foi possível observar que as pessoas que estavam com sobrepeso, mas faziam algum tipo de exercício, também tinham uma expectativa de vida mais longa do que as que estavam com um peso adequado, mas levavam uma vida sedentária.

Motivação, um impulso em direção a metas

Às vezes é mais confortável ficar em casa, mas os resultados que vamos alcançar se persistirmos no esforço podem nos motivar.

Para as pessoas que acham difícil cumprir com essas horas de atividade física, contamos que também foram vistos benefícios na expectativa de vida de pessoas que dedicavam ao menos uma hora e meia por semana. O aumento foi menor, de cerca de dois anos; mas alguma coisa é sempre melhor do que nada.

O principal autor dos estudos fez as seguintes afirmações sobre os resultados:

“Nossos resultados destacam a importante contribuição que o tempo livre dedicado à atividade física, especialmente entre adultos, pode dar à longevidade. O exercício físico regular prolongou a vida de todas as pessoas que foram examinadas em nosso estudo, com peso normal, sobrepeso ou obesidade”

– Dr. Steven Moore –

Recomendações de atividade física de acordo com a OMS

A Organização Mundial de Saúde, mais conhecida como OMS, recomenda um determinado número de horas de atividade física por semana de acordo com a faixa etária para manter um peso adequado, ser saudável e, assim, aumentar a expectativa de vida.

Dos cinco aos 17 anos

Para as crianças e adolescentes que estão nesta faixa etária, é recomendável fazer cerca de uma hora de atividade física moderada mas vigorosa, ou seja, que falte o ar ao tentar falar e fazer o exercício ao mesmo tempo. Além disso, também é recomendado fazer exercícios intensos três vezes por semana.

Jovens jogando volei

Na adolescência, o exercício promove o desenvolvimento corporal de maneira significativa.

Dos 18 aos 64 anos

Para os adultos nessa faixa etária, a OMS recomenda fazer cerca de duas horas e meia de atividade física moderada por semana; ou uma hora e meia se for intensa. Além disso, recomenda-se também a prática de atividades focadas no fortalecimento muscular duas vezes por semana.

A partir dos 65 anos

Para as pessoas acima dessa idade, recomenda-se que pratiquem os mesmos exercícios que os adultos.

Mas, além disso, também devem adicionar, três vezes por semana, atividades que ajudem a melhorar o equilíbrio para evitar quedas; principalmente as pessoas que mais possam ser afetadas, como por exemplo as que têm mobilidade reduzida.

Idosos fazendo exercício na piscina

Além de ser essencial para a manutenção da saúde, a atividade física contribui para a melhoria da qualidade de vida; uma vez que traz benefícios tanto a nível fisiológico quanto psicológico e social.

As pessoas que fazem algum tipo de atividade física geralmente se percebem mais saudáveis, com menos estresse e com um melhor estado de espírito.

Além destes benefícios, a prática de atividades físicas também tem suas vantagens sobre os nossos aspectos fisiológicos, o que se relaciona com o fato encontrado que o exercício aumenta a expectativa de vida.

Alguns exemplos são melhoria na digestão e a regularidade do ritmo intestinal, o desenvolvimento dos ossos e a manutenção da massa óssea, prevenir o desenvolvimento de hipertensão e melhorar o nível lipídico no sangue, entre muitas outras vantagens.

Na esfera social, a atividade física também tem suas vantagens; pois ajuda no desempenho escolar, evita maus hábitos tais como o tabagismo ou o álcool e aumenta a autonomia.

Em conclusão, fazer exercício aumenta a nossa expectativa de vida. Assim, como vimos, fazer alguns exercícios simples ao longo da semana será suficiente para aumentar a expectativa de vida em até quatro anos.

Além disso, também devemos praticar algum tipo de atividade física para obter outros benefícios nos níveis fisiológico e social.