O que você pode fazer para evitar a retenção de líquidos

· 1 de agosto de 2018
A retenção de líquidos é um mecanismo que o corpo usa para preservar todo o fluído que ele considera necessário para o seu funcionamento.

O corpo humano é composto por mais ou menos 65% de água. A água no nosso corpo serve como veículo de transporte de nutrientes, contribui para processos biológicos e descarte de resíduos. É importante então estar sempre hidratado,  um modo de evitar a retenção de líquidos.

Essa tendência do organismo de acumular líquidos se deve ao fato de o corpo detectar que há uma insuficiência ou excesso de sódio; nesses casos, ele retém líquidos para preservar o seu equilíbrio natural.

No entanto, a retenção de líquidos traz consigo alguns problemas de saúde. Muitos deles têm a ver com o funcionamento das articulações, aumento de peso e inchaço das extremidades do corpo.

Por isso, a melhor maneira de evitar a retenção de líquidos é mantendo uma dieta equilibrada, bebendo água e praticando exercícios físicos.

Por que retemos líquido no nosso corpo?

mulher medindo a cintura com uma fita métrica

Primeiramente, devemos saber que a retenção de líquidos se deve a fatores internos e externos ao organismo. No primeiro grupo, temos como causas as alterações hormonais durante o ciclo menstrual, o que também pode ocorrer durante a gravidez ou menopausa.

Com relação aos fatores externos podemos considerar o clima, o consumo de água e o estilo de vida sedentário. Em ambientes úmidos ou de muito calor, também temos mais tendência à retenção dos líquidos.

O mesmo acontece quando a pessoa não ingere a quantidade de água suficiente. Em ambos os casos, a reação é um mecanismo da defesa do corpo para evitar uma desidratação.

Além disso, um outro fator que pode contribuir para a retenção dos líquidos são os tratamentos médicos. Alguns remédios relacionados a doenças crônicas têm como efeito colateral esse tipo de inchaço.

Como evitar a retenção de líquidos?

Uma maneira simples de saber se você sofre de retenção de líquidos é apertando por um minuto a zona inchada. Se a marca deixada pelo dedo permanecer por algum tempo, é possível que você esteja sofrendo de um acúmulo de líquidos. Em tais casos, você deve seguir estas recomendações:

1. Uma dieta equilibrada. Em primeiro lugar, é importante manter uma dieta baixa em sal e açúcar. Você também deve consumir muitas frutas e vegetais para hidratar bem o organismo.

Aliás, as frutas ricas em água, como a melancia e o abacaxi, são diuréticos naturais que ajudam a renovar os fluidos do corpo.

Em segundo lugar, com relação às proteínas, é importante evitar o consumo de carne vermelha, pois elas contribuem para a retenção de líquidos. Em vez disso, é aconselhável comer peixe ou carne branca de duas a três vezes por semana.

2. Não espere sentir sede. A sede é um sinal de desidratação. Quando você já está sentindo a necessidade de beber água o corpo já está sentindo falta dela.

Assim, para evitar a desidratação, é importante criar o hábito de beber água antes de sentir sede.

Uma pessoa deve consumir uma média diária de dois litros de água. A água não deve ser substituída por sucos ou refrigerantes, pois eles contêm um alto nível de açúcares e poucos nutrientes. Mas não exagere! O excesso de água pode aumentar os níveis de sódio no organismo e causar o que estamos tentando evitar.

3. Praticar exercício com regularidade. O estilo de vida sedentário está ligado à retenção de líquidos, por isso, é importante manter o corpo ativo.

Realizar uma caminhada diária de 15 a 30 minutos diminui a tendência ao acúmulo de fluidos. Outras disciplinas e exercícios, como a natação, também são benéficas.

Hábitos para evitar a retenção de líquidos

Um monte de laranjas

  1. Não ficar em jejum muito tempo depois que você acorda ajuda a reduzir os efeitos da retenção de líquidos. Além disso, um café da manhã rico em frutas e fibras energizará o seu corpo e o manterá hidratado.
  2. O recomendável é fazer várias refeições ao dia, pelo menos cinco. Dessa maneira, colocaremos o nosso metabolismo em funcionamento e poderemos até perder peso.
  3. Jantar leve. O jantar é a refeição na qual devemos prestar maior atenção com relação ao sal. Depois dela, o corpo passará algumas horas em repouso e acumulará líquidos.
  4. Não use roupas apertadas. As roupas apertadas dificultam a circulação do nosso corpo. Por isso, você deve sempre usar o tamanho correto e evitar tecidos que não permitem que a sua pele respire.
  5. Beba chás de ervas e sucos verdes. Dê preferência às bebidas com alto conteúdo diurético, como o chá verde.