Um treino com TRX ideal para ciclistas

9 de abril de 2019
Um treinamento com TRX ou em suspensão permite que nós fortifiquemos todos os músculos do corpo. Se quisermos combiná-lo com outros esportes como, por exemplo, a prática de ciclismo, os exercícios devem ser direcionados principalmente para os membros inferiores.

As faixas de treino TRX são multifacetadas e podem ser usadas em qualquer treinamento de esporte. Neste artigo, contaremos quais são os melhores exercícios para montar um treino com TRX para ciclistas. Por isso, se você pratica essa disciplina de forma profissional ou amadora, leia até o fim.

Treino com TRX para ciclistas

  1. Saída em sprint com salto

O faixa de TRX deve estar a uma certa altura (pelo menos a dois metros) para tornar o exercício mais eficaz. Fique de costas para a faixa, dobre os dois braços e pegue as alças com as duas mãos.

Incline o corpo para a frente para formar um ângulo de 45 ° com o chão e simule uma corrida, aproveite a resistência que o acessório irá gerar. Mantenha-se nesse movimento por um minuto.

  1. Prancha

Os músculos abdominais também devem ficar fortes quando praticamos ciclismo. Uma das melhores maneiras de fortalecer essa área é com a famosa “prancha” ou ”plank”, em inglês. Fique de barriga para baixo com os pés próximos à faixa de TRX. Insira os pés nas alças e apoie os antebraços no chão.

Prancha com trx

O corpo deve ficar paralelo ao chão e o movimento deve ser realizado com os músculos abdominais sendo auxiliados pelos ombros. Uma vez que você tenha dominado a posição, o próximo passo é levar o corpo ligeiramente para a frente, até a cabeça exceder a linha das mãos. Volte para o começo e repita o exercício 20 vezes.

  1. Agachamento com uma perna

Esse é outro exercício do treino com TRX para os ciclistas que trabalha as pernas e também a coordenação que você não pode deixar de lado durante o treino na academia. Pegue as alças da faixa com as duas mãos, flexionando os joelhos, e estique a perna direita na frente do corpo.

O músculos devem ficar paralelos ao chão no momento de flexão e os braços devem ficar esticados. Em seguida, quando o corpo “subir”, flexione os cotovelos e estique as pernas. Realize 10 repetições com cada perna.

  1. Supino de peito

Esse exercício serve não só para os seus músculos peitorais, mas também para os músculos abdominais. Fique de costas para as faixas de TRX e pegue nas alças com ambas as mãos. Leve o corpo para a frente até que esteja diagonal ao chão.

Em seguida, flexione os braços deixando os cotovelos passarem da linha das costas. Mantenha-se nessa posição por 20 segundos e estique os braços. Realize no total 20 repetições.

Peitoral com trx

  1. Remada

Nesse caso, trata-se de um exercício que fortalece tanto as costas quanto os ombros; e nos permite ter maior resistência em corridas ou circuitos.

Fique de frente para as faixas de TRX e pegue nas alças com ambas as mãos. Abaixe o corpo de tal forma que fique paralelo ao chão. A parte interna dos joelhos deve formar um ângulo de 90°. Primeiro, os braços devem ficar esticados e depois flexionados para levantar o tronco.

Outra opção é deixar as pernas esticadas durante todo o exercício. De qualquer forma, realize 20 repetições, descanse um pouco e comece tudo de novo. Faça pelo menos três séries de 20 repetições cada.

  1. Pedalada no ar

Em um treino com TRX para ciclistas não pode faltar esse exercício. Isso porque ele serve para fortalecer o tão famoso ‘tendão dos músculos isquiotibiais’, que é muito importante nesse esporte.

Para iniciar o exercício, você deve se deitar de costas olhando em direção à faixa. Enganchando as pernas ou pés nas alças, eleve a pélvis para tirar os glúteos e as pernas do chão.

Em seguida, simule que você está pedalando uma bicicleta. Faça esse exercício por um minuto, descanse 30 segundos e comece tudo de novo. No total, você deve fazer 3 séries de 60 segundos cada.