Possíveis causas de abandono nos esportes juvenis

· 5 de março de 2019
O esporte tem muitos benefícios para os jovens. No entanto, durante a adolescência, há muitos casos de abandono da prática esportiva. Neste artigo analisamos por que isso ocorre.

O esporte desempenha um papel vital na vida das crianças e adolescentes. No entanto, há muitos casos de abandono nos esportes juvenis. As causas às quais isso pode ser atribuído são variadas e se relacionam tanto a características pessoais assim quanto ao contexto sociocultural.

Certamente, a prática de atividade física controlada e planejada traz inúmeros benefícios para a saúde. No entanto, durante a adolescência, há vários casos de abandono nos esportes juvenis.

Quando se leva em conta o abandono nos esportes juvenis, deve-se considerar todo o contexto que os cerca. Isso significa que é preciso levar em consideração seus interesses e a busca de uma identidade, o objetivo ao praticar um esporte, se é ou não um meio de socialização ou de atingir um alto nível de desempenho.

Além disso, é preciso ter em mente que nem todos os casos acontecem por vontade própria. De fato, existem situações em que os jovens são excluídos, seja pelo treinador, pela falta de meios econômicos, pela competição acirrada ou devido a lesões que impedem a continuidade.

Time de futebol de jovens

Entre as consequências mais óbvias do abandono nos esportes juvenis está o fato de que, por deixarem a prática esportiva precocemente, provavelmente também levarão uma vida adulta sedentária.

De fato, um estudo estima que as maiores taxas de maior abandono esportivo começam depois dos 11 anos em homens e a partir dos 12 em mulheres.

Quais são as causas do abandono nos esportes juvenis?

A seguir estas são as causas de abandono nos esportes juvenis:

1.-Falta de motivação

A primeira causa de abandono nos esportes juvenis é a falta de motivação e comprometimento. Isso significa que chega um momento em que os jovens já não desfrutam mais do que fazem e então isso se traduz em falta de desejo pela prática esportiva.

Consequentemente, dispensam o esporte para dedicar tempo a outros tipos de atividades.

Menina cansada

Certamente, a falta de motivação pode ocorrer devido ao fato do jovem ocupar um papel secundário em uma equipe. O fato de não se sentir importante pode fazer com que os jovens percam a paixão e o desejo de competir.

2.-Exaustão

Em segundo lugar, é preciso saber que a exaustão é uma das causas de abandono nos esportes juvenis.

Mais conhecido como burnout, a exaustão ocorre quando há um estado de cansaço emocional e físico gerado pela exigência ou duração da prática esportiva. No entanto, pode aparecer nos cenários nos quais não se dá muita importância aos resultados.

“A dor é temporária. Pode durar um minuto ou uma hora ou um dia, ou um ano, mas com o tempo diminuirá e outra coisa tomará o seu lugar. No entanto, se eu abandonar, isso durará para sempre “

-Lance Armstrong-

3.-Falta de tempo

Em seguida, é preciso saber que falta de tempo, em muitos casos, é a causa de abandono nos esportes juvenis. É que, na maioria dos casos, a falta de tempo para o estudo faz com que os jovens deixem de praticar esportes ou diminuam a frequência da prática.

Inclusive, em alguns casos, o abandono nos esportes juvenis ocorre para ter mais tempo de lazer. Dessa forma, a preferência por outros tipos de atividades faz com que utilizem o tempo que anteriormente ocupavam com o esporte em outros tipos de entretenimento.

4. Lesões

Por último, as lesões fazem com que muitos adolescentes tenham que deixar de lado a prática esportiva. Embora ocorra em um número muito menor de casos, trata-se de uma realidade.

Embora seja verdade que, por idade, a maioria deles poderia se recuperar bem para reiniciar a prática esportiva no mesmo nível, o medo de uma possível recaída faz com que eles decidam abandonar a prática esportiva de maneira definitiva.

Atleta com dor no joelho

Finalmente, tenha em mente que, para entender melhor as possíveis causas de abandono nos esportes juvenis, é necessário entender cada caso de maneira individual.

No entanto, às vezes pode ser uma mistura de diferentes causas que leva os jovens a quererem deixar o esporte. Portanto, a coisa mais importante nestes casos é saber se está acontecendo algo na vida pessoal que motivaria o adolescente a abandonar a prática esportiva.

Petlichkoff, L. M. (1992). Youth sport participation and withdrawal: Is it simply a matter of fun?.

Fraser-Thomas, J., Côté, J., & Deakin, J. (2008). Understanding dropout and prolonged engagement in adolescent competitive sport. Psychology of sport and exercise, 9(5), 645-662.