Por que os adultos fisicamente ativos podem precisar de mais ácido fólico?

6 de setembro de 2019
O que é o ácido fólico? Quais funções ele desempenha no organismo? Entre outras coisas, ele é essencial para a produção e renovação dos glóbulos vermelhos no sangue. Ele certamente também possui outros benefícios, que vamos descrever a seguir.

O ácido fólico pertence ao grupo das vitaminas do complexo B. Na verdade, ele é a vitamina B9. A sua presença em níveis equilibrados garante a produção de glóbulos vermelhos. Como consequência, a oxigenação do sangue é maior, o que favorece a saúde.

É comum que esse suplemento seja indicado para mulheres grávidas. A ingestão de ácido fólico durante o período de gestação é vital, pois ele evita problemas neurológicos.

No entanto, essa vitamina também é necessária para todas as pessoas. As pessoas que fazem treinos fisicamente exigentes precisam aumentar a sua dose. Uma dica é consumir o dobro do recomendado para uma mulher grávida, embora esse seja um assunto que deve ser verificado com o médico.

Entre as principais funções desse princípio ativo está o metabolismo de nutrientes. Além disso, ele também integra os alimentos consumidos, detectando as gorduras, proteínas e carboidratos. Nesse processo, ele permite que o sangue faça a sua jornada distribuindo tudo o que é necessário para sermos saudáveis.

Efeito do ácido fólico nos adultos fisicamente ativos

Os adultos ativos, bem como os atletas profissionais que praticam exercícios extenuantes, gastam mais vitamina B9.

Isso permite que a quantidade de homocisteína aumente. No momento em que esses níveis são alterados, o organismo fica em risco. Uma das principais consequências está relacionada aos ataques cardíacos ou derrames.

Por essa razão, os níveis de folato devem ser monitorados periodicamente. É provável que o médico indique um suplemento de ácido fólico caso exista uma carência.

Além disso, também é necessário complementar com uma dieta rica em nutrientes. O coração e o cérebro são vitais e uma maneira de cuidar deles é manter níveis adequados dessas substâncias. O desempenho físico também depende muito desse elemento.

Efeito do ácido fólico nos adultos fisicamente ativos

Em adultos com deficiência de ácido fólico, a fadiga, as dores musculares e até mesmo a irritabilidade aparecem mais facilmente. Para manter os resultados esportivos, a presença de vitamina B9 deve ser garantida.

Outros benefícios do ácido fólico

Estes são outros efeitos muito positivos para a nossa saúde, derivados do consumo de ácido fólico:

Saúde mental

Um cérebro com um bom suprimento sanguíneo tem mais chances de permanecer saudável. O consumo adequado de ácido fólico previne a demência. Pessoas com déficits ou com excesso de vitamina B9 têm maiores riscos de doença mental.

Por esse motivo, o consumo de frutas e vegetais deve ser um hábito entre os idosos. É nos alimentos que as vitaminas e minerais essenciais podem ser encontrados. Além disso, o excedente é eliminado através da urina, de tal forma que se torna difícil que o organismo tenha reservas.

Rejuvenescimento

Um dos maiores desejos dos seres humanos é o de não envelhecer. De fato, a prática de esportes é uma das atividades realizadas para permanecermos ativos. O ácido fólico colabora com muitas funções na regeneração celular.

Uma aparência mais jovial, um brilho diferente e um estado físico relaxado são o resultado de contar com níveis adequados desse nutriente. Até mesmo o cabelo fica fortalecido e o aparecimento de cabelos grisalhos diminui.

Prevenção da anemia

O ácido fólico estimula a hemoglobina, essencial para evitar a falta de ferro no organismo. A anemia é uma condição muito comum em mulheres, em vegetarianos ou em adultos com deficiências de vitaminas.

Onde o ácido fólico é encontrado?

Os alimentos que contêm altos níveis de vitamina B são:

  • Vegetais de folhas verdes.
  • Cenoura.
  • Gema de ovo.
  • Abacate.
  • Leguminosas.
  • Fígado.
  • Cereais.
  • Levedura.
  • Damasco.
  • Brócolis.
  • Banana.
  • Melão.
  • Ervilha.
Onde o ácido fólico é encontrado

É importante considerar que, ao cozinhar, a vitamina B pode ser completamente perdida. Portanto, é aconselhável sempre consumir alimentos frescos. Além disso, também é conveniente cozinhar os vegetais no vapor para ter mais cuidado com os nutrientes naturais.

Em casos especiais, o médico pode indicar um suplemento, especialmente para os atletas. É sempre apropriado consultar um especialista para consumir a quantidade específica de acordo com a avaliação do folato no organismo.

Sintomas para detectar a deficiência de ácido fólico

Os sinais mais comuns emitidos pelo organismo diante da diminuição do ácido fólico são:

  • Úlceras na boca, língua ou pernas.
  • Fadiga constante.
  • Dores de cabeça.
  • Dores musculares.
  • Alterações no ciclo menstrual.
  • Atraso no crescimento.
  • Estado nervoso irritável.
  • Diminuição do desempenho físico em termos de força e potência.

Podemos concluir que o ácido fólico é uma vitamina que tem muitas funções para a vida do organismo. Entre todas as que já mencionamos, ele também colabora, juntamente com a vitamina B12 e a vitamina C, com a saúde cerebral, vascular e cardíaca.

Por todas essas razões, ter o hábito de controlar e manter níveis adequados de ácido fólico significa cuidar da saúde em geral.