Causas das câimbras ao andar de bicicleta

· 30 de novembro de 2018
Quando uma câimbra acontece, há um espasmo involuntário que dura pouco tempo, mas que é muito doloroso; há uma variedade de fatores que podem desencadeá-las, muitas vezes quando você menos espera.

As câimbras ao andar de bicicleta são comuns para quem pratica o ciclismo. Sentir esse desconforto em algum músculo das pernas gera uma sensação de incômodo físico e mental e parar é a única solução quando a dor é muito forte.

Por que surgem câimbras ao andar de bicicleta?

Deficiência de sais minerais

Esta é a causa mais comum de tais contrações e se trata de uma baixa concentração de eletrólitos. O problema pode ser corrigido com uma dieta equilibrada ou suplementos.

Quando isso acontece, os sais minerais são eliminados através do suor. Isso acelera um processo natural de desidratação, que é exacerbado se o ciclista enfrentar altas temperaturas. Por isso, beber bastante água é igualmente essencial para evitar as câimbras ao andar de bicicleta.

Fadiga muscular

O ciclismo é um esporte de alta intensidade e que exige resistência física. Nele, os músculos inferiores trabalham com mais força e suportam todo o exercício. Portanto, nunca podemos ter 100% de garantia de que uma câimbra não vá acontecer como resultado do esforço.

Mulher com câimbra na perna

A fadiga muscular acontece quando a circulação sanguínea diminui e assim o músculo fica sem oxigênio. Esse fenômeno corporal acontece em uma questão de segundos e é quase impossível reverter o efeito. Descansar é a melhor solução para deter a dormência.

Estresse e cansaço

Os praticantes do ciclismo passam por horas de ansiedade antes de uma corrida e a preparação física é muito forte. Por isso, a hora de dormir é vital para a recuperação física. Caso contrário, o músculo não descansa e assim o desempenho nunca será o ideal. O colapso com uma contração inesperada pode ser culpa do estresse.

Postura incorreta

É possível que alguns ciclistas não prestem atenção à postura que adotam. O hábito de pedalar uma bicicleta de forma incorreta provoca tensão nas pernas, aumentando assim as chances de câimbras.

O que fazer quando surgem câimbras ao andar de bicicleta?

A primeira reação a esse tipo de espasmo é sacudir o músculo, o que geralmente significa parar de pedalar. Se você não puder fazer isso, então diminua a velocidade para que a parte afetada relaxe. No entanto, tenha em mente que continuar a pedalar pode causar lesões mais graves.

Outra recomendação é massagear a área muscular com o objetivo de ativar o fluxo sanguíneo. Depois de fazer essa ação, tente fazer alguns exercícios de alongamento para terminar de relaxar a área afetada e assim melhorar a elasticidade. Finalmente, tente descansar da atividade física por algumas horas.

Mulher praticando ciclismo na estrada

Dicas para evitar uma câimbra

Embora não possamos evitar o momento em que uma câimbra ocorre, é sim possível reduzir a probabilidade de que ela ocorra. As medidas seguintes são simples de seguir, mas podem ser de grande ajuda:

  • Manter uma dieta equilibrada: quando o nosso corpo tem todos os nutrientes necessários, o desempenho físico é melhor. Os alimentos ricos em potássio, magnésio e sódio são ideais para evitar câimbras.
  • As oleaginosas e os peixes também são aliados para evitar esses espasmos, devido à grande quantidade de vitaminas que eles contêm.
  • Beba água: tomar água suficiente é vital para manter bons níveis de hidratação no corpo. Este líquido faz com que o tecido muscular permaneça hidratado. As bebidas isotônicas também são recomendadas para os ciclistas profissionais, devido ao seu alto teor de sais minerais.
  • Faça um aquecimento adequado: alongar antes de fazer uma atividade física de alta intensidade é ideal para evitar câimbras e possíveis lesões. Dedicar 10 minutos a esta preparação vai ser mais que suficiente para que dessa forma a área muscular se aqueça e, assim, tenha um melhor desempenho.
  • Aumente a dose de magnésio: estudos comprovam que a falta de magnésio é o primeiro gatilho das câimbras. Por isso, recomenda-se que os ciclistas profissionais tomem cápsulas de magnésio. Elas oferecem uma rápida absorção de vitaminas e minerais para os músculos das pernas.

Em resumo, as câimbras ao andar de bicicleta são desconfortáveis e muito comuns para quem pratica o ciclismo.

É necessário ter o conhecimento adequado não apenas para evitá-las, mas também para agir quando elas acontecerem. Lembre-se de que o corpo não é sempre igual e, em algum momento, ele vai estar suscetível a esses espasmos desagradáveis.