Os efeitos do consumo de álcool no organismo

22 de abril de 2019
De modo geral, se você consumir álcool durante um longo período de tempo e em quantidades significativas, é possível que as células do seu fígado percam a capacidade de regeneração - o que contribui com o desenvolvimento de doenças como a cirrose

Sem dúvidas há muitos efeitos colaterais provocados pelo consumo de álcool. Devemos levar em consideração a quantidade de álcool e as circunstâncias para medir esses efeitos.

As bebidas com maior teor alcoólico afetam mais o organismo. Outros fatores como, por exemplo, se você consome álcool com o estômago cheio, também influenciam nos efeitos. Nesse caso específico, eles são menores do que se você ingerir álcool com o estômago vazio.

Estágios da embriaguez

Quando falamos de estágios, falamos sobre os efeitos que podemos ter dependendo da quantidade de álcool consumida.

  1. O primeiro é sentir-se muito animado, eufórico e perder a vergonha.
  2. O segundo é quando a intoxicação devido ao consumo de álcool começa. Isso afeta o sistema nervoso e você perde a capacidade de coordenar os movimentos, perde o equilíbrio…
  3. O terceiro é a fase hipnótica. É onde você fica confuso, tem sonolência, náusea, vômito e até dores de cabeça.
  4. O quarto é a anestesia, você diz palavras que não são coerentes, perde a força muscular, não controla a vontade de urinar…
  5. O quinto é a fase mais crítica, já que pode levar à parada cardíaca e óbito.
Amigos em um bar bebendo

Efeitos do consumo de álcool no organismo

Antes de tudo, muitos dos efeitos provocados pelo consumo de álcool no organismo não são imediatos, já que aparecem a longo prazo:

  • Afeta o sistema nervoso, causando alterações de humor, má pronunciação, reações mais lentas e perda do equilíbrio.
  • – Pode alterar a ação dos neurotransmissores, modificando sua estrutura e função. Nesse sentido, produz uma série de efeitos, tais como problemas de reatividade e reflexos atrasados, perda da capacidade de coordenar movimentos, tremores e alucinações, perda do autocontrole, memória, capacidade de concentração e alterações das funções motoras.
  • – Causa graves danos às células cerebrais.
  • – Também diminui a vitamina B1, e isso faz com que a doença Wernicke-Korsakoff apareça, trata-se de uma doença que altera pensamentos, sentimentos e a memória.
  • – Produz distúrbios do sono na grande maioria das pessoas.
  • – Em doses muito altas pode levar ao coma, o que causa transtornos mentais muito graves.
  • – Alguns casos apresentam períodos de anemia e aumento da atividade cardíaca.
  • – Além disso, a pressão arterial pode aumentar e isso causa danos ao músculo cardíaco.
Efeitos do consumo de álcool no organismo

  • – De acordo com o ponto anterior, o enfraquecimento do músculo cardíaco prejudica a capacidade de bombear o sangue.
  • – Todo o desconforto gástrico se deve ao etanol; ele corrói e irrita a mucosa gástrica, causando problemas estomacais.
  • – Impede a produção de glóbulos brancos e vermelhos.
  • – Quando não há glóbulos vermelhos suficientes para transportar oxigênio, ocorre anemia.
  • – A falta de glóbulos brancos no sangue produz falhas no sistema imunológico, o que aumenta o risco de adquirir infecções bacterianas e virais.
  • – Pode ser uma causa de infertilidade e disfunção erétil.
  • – O consumo de álcool durante a gravidez pode causar síndrome alcoólica fetal, os sintomas desta condição se manifestam por meio do retardo do crescimento, alterações nas características craniofaciais, malformações cardíacas, no fígado, no rim e globos oculares.
O álcool durante a gravidez pode provocar síndrome alcoólica fetal

  • – O dano mais grave ocorre no sistema nervoso central do feto, e por isso pode ocorrer um retardo mental acentuado.
  • Causa a dependência alcoólica, também chamada de alcoolismo, que é o consumo incontrolável de álcool.
  • – O álcool aumenta a produção de ácido gástrico, o que causa a irritação e a inflamação da mucosa do estômago, o que pode provocar úlceras e hemorragias internas que podem ser fatais.
  • – Pode causar câncer de estômago, laringe, esôfago ou pâncreas.
  • – Causa pancreatite aguda, que consiste em uma inflamação do pâncreas que pode levar à morte.
  • O álcool fornece muitas calorias com pouco valor nutritivo; impede a absorção de alguns minerais e vitaminas e suprime o apetite, o que leva à desnutrição .

Em suma, há muitas outras condições que podem ser ocasionadas pelo consumo de álcool no organismo, aqui mencionamos várias delas para que você veja a importância de não beber muito, uma vez que pode afetar seriamente a sua saúde.