Os melhores jogadores de pádel da atualidade

12 de fevereiro de 2020
Se você é apaixonado pelo mundo do pádel, você não pode perder essa revisão dos melhores expoentes desse esporte hoje em dia. Eles espalham a sua magia em cada data do circuito!

O pádel experimentou nos últimos anos um crescimento muito importante, tanto num nível esportivo quanto econômico e comercial. Aliás, a sua crescente popularidade fez com que cada vez mais pessoas conhecessem os melhores jogadores de pádel do momento.

Esse fenômeno tem especial preponderância em certos países como Espanha e Argentina, berços permanentes dos melhores expoentes desse esporte. Entretanto, a expansão do World Padel Tour abarca cada vez mais países, que desejam ter o prazer de organizar uma das datas do calendário anual.

Melhores jogadores de pádel no circuito masculino

Os jogadores espanhóis e argentinos, junto com o brasileiro Pablo de Lima, dominam o topo do ranking mundial desse esporte. Atualmente, esses são os participantes do circuito mundial que mais se destacam:

Fernando Belasteguín

Esse jogador argentino soube brilhar durante mais de uma década no nível máximo, no qual ele quebrou vários recordes de torneios vencidos e de permanência no posto número 1 do mundo. Hoje, por outro lado, ele aparece em oitavo, mas para muitos ele continua sendo o melhor expoente da história desse esporte.

Belasteguín é destro e joga do lado contrário e. A sua lista de títulos é impressionante: ele ganhou mais de 170 torneios, ficou 13 anos como o número 1 do planeta.

Como se isso não bastasse, permaneceu invicto junto com Juan Martín Díaz por 1 ano e 9 meses entre 2005 e 2007, etapa na qual eles ganharam 22 competições consecutivas.

Daniel Gutiérrez e Maximiliano Sánchez, dois dos melhores jogadores de pádel

Ambos argentinos, são a dupla mais forte do circuito atual. Eles ocupam o posto número 1 do ranking, igualados em pontos. “Sanyo” e “Maxi” são, sem dúvida, a dupla para vencer no WPT.

Os melhores jogadores de pádel da atualidade

Imagem: padeladdict.com

Gutiérrez, de 34 anos e proveniente de San Luis, Argentina, se tornou profissional aos 15 anos. Contudo, em 2006 ele se mudou para a Espanha, terra mais fértil para o seu crescimento nesse esporte. Na sua lista de títulos, ele conta com dezenas de torneios, nos quais fez dupla com vários dos melhores do circuito.

Sánchez, por sua vez, é amigo de infância de “Sanyo” Gutiérrez. Ele tem 32 anos e é de Villa Mercedes, Argentina. O seu apelido é “Tubarão”, devido à coragem que ele demonstra em cada uma das suas apresentações.

Profissional desde 2006, ele teve duas fases como companheiro de “Sanyo”, que foi um dos que pôde aproveitar o melhor nível desse excelente jogador argentino.

Francisco “Paquito” Navarro

O sevilhano é o espanhol melhor posicionado atualmente (está em terceiro e acaba de se consagrar no Open de Alicante do WPT). Ele é profissional desde 2009 e, além disso, se consagrou em dezenas de torneios profissionais com diferentes companheiros do circuito.

Os melhores jogadores de pádel da atualidade

Imagem: Facebook Paquito Navarro.

Navarro, conhecido como o “Duende de Sevilha”, conseguiu brilhar no pádel espanhol e internacional por quase uma década. Além disso, ele conta com um canal no YouTube chamado DaleCandela TV, no qual milhares de inscritos aprendem com os seus conselhos e recomendações.

Pablo Lima, um brasileiro entre os melhores jogadores de pádel

Por sua vez, esse brasileiro de 33 anos, hoje quarto no ranking e companheiro de Belasteguín, conta com uma efetividade assombrosa: ele ganhou 87% das 356 partidas que disputou no World Padel Tour. Ele chegou a conseguir 53 vitórias seguidas, recorde que, aliás, o levou a ganhar muitos títulos.

Os melhores jogadores de pádel da atualidade

Imagem: padelhome.es

As mulheres que abrem caminho no WPT

O ramo feminino teve um grande crescimento no circuito profissional de pádel nos últimos anos, tanto em participação quanto em prêmios econômicos. Estas são algumas das jogadoras mais importantes atualmente:

Majo Sánchez Alayeto

Proveniente de Zaragoza, essa espanhola de 34 anos conta com duas curiosidades na sua carreira como jogadora de pádel. A primeira é que ela é ex-tenista e decidiu encostar a raquete em 2007, embora já houvesse chegado a ser campeã nacional até então.

Precisamente, a sua dupla era a sua irmã gêmea, María Pilar, que ainda hoje a acompanha no circuito profissional de pádel. Por fim, Majo possui mais de 25 títulos profissionais na sua conta e é líder do ranking mundial desde 2017.

Irmãs esportistas

Imagem: padel.sport.es

Marta Marrero

Assim como Majo Sánchez, a número 2 do mundo de pádel feminino é ex-tenista. E não é só isso: ela chegou a ganhar vários torneios Challenger e dois do circuito profissional da WTA em duplas.

É jogadora profissional de pádel desde 2015. Ela começou jogando com Alejandra Salazar, que foi a sua dupla até 2018, ano que terminaram com mais títulos (seis).

Logo após deixar o tênis, Marta precisou adicionar à sua técnica um jogo defensivo mais sólido e uma maior eficácia no momento de atacar. Entretanto, a sua evolução foi fantástica e hoje ela forma uma das duplas mais fortes junto com Marta Ortega.

Marta Marrero

Imagem: as.com

María Pilar Sánchez Alayeto

“Mapi”, a irmã de Majo, foi a sua companheira desde a incursão de ambas no mundo do pádel, lá por 2009. Juntas, elas ganharam muitos torneios e se posicionaram nos últimos anos como a dupla mais forte do circuito. Além disso, ambas possuem uma efetividade de 83% nas suas 136 partidas jogadas como profissionais.

Dado o exposto, é evidente que os espectadores têm muito para apreciar em cada uma das datas do circuito profissional desse esporte. Sem dúvida, o pádel atravessa um grande momento histórico, ideal para que os seus fãs apreciem os melhores jogadores de pádel em muito tempo!