7 dicas importantes para um iniciante no boxe

· 30 de maio de 2019
Um iniciante no boxe deve levar em conta certas questões relacionadas ao treinamento, às técnicas, à hidratação e à proteção. Trata-se de um esporte muito completo que vale a pena praticar!

O boxe é um dos esportes mais completos, já que trabalha tanto o cardio como a musculação, e inclusive a defesa pessoal. Neste artigo daremos algumas dicas que te ajudarão se você se é um iniciante no boxe.

Você é um iniciante no boxe? Siga estas dicas

O boxe é um esporte apaixonante. Mesmo que você não goste muito da ideia de golpes, você pode treinar essa modalidade tão completa para ter mais resistência, perder peso ou definir os músculos.

Muitas pessoas escolhem o boxe recreativo, uma maneira divertida de se exercitar sem a necessidade de subir no ringue. Em qualquer caso, essas recomendações para um iniciante no boxe podem te ajudar:

1. Mantenha a calma

Não importa qual seja seu objetivo (fazer exercício ou competir), você deve ir devagar. Muitas vezes, o iniciante no boxe quer colocar as luvas e subir no ringue desde o primeiro dia, ou acha que aguenta todos os golpes.

No entanto, você deve ter em mente que se trata de uma disciplina com uma certa técnica, não é questão de golpear aleatoriamente. Preste atenção às instruções do professor ou treinador e procure ser paciente.

2. Beba muita água

As sessões de boxe são muito intensas e, em muitos casos, duram mais de uma hora. Portanto, é fundamental que você se mantenha hidratado.

Estipula-se um litro para cada 60 minutos de treinamento como consumo recomendado. Se você não é fã de água, pode substituí-la por bebidas esportivas, sucos naturais ou infusões frias (por exemplo, chá verde). Mas nunca deixe de se hidratar!

Você é um iniciante no boxe? Siga estas dicas

3. Concentre seu olhar

Outra dica para um iniciante no boxe está relacionada ao objetivo. Além da força do golpe, a primeira coisa que você deve trabalhar é acertar onde quer, seja em frente ao espelho, no saco de pancadas ou contra um oponente no ringue.

Concentre seu olhar onde você quer que o punho acerte. Então, quando você desferir um golpe, será mais fácil acertar. Além disso, quando você estiver interagindo com outro boxeador, manter os olhos no rosto dele te ajudará a se defender melhor dos golpes.

4. Aprenda a respirar

A respiração é a base de qualquer exercício; no caso do boxe, você deve inspirar antes de golpear e expirar quando o punho acertar. Desta forma, você não se cansará tão rápido.

Você pode utilizar diferentes técnicas ou movimentos para reduzir os batimentos do coração e, com isso, as respirações. Isso, claro, é uma habilidade que também é trabalhada nos treinamentos.

5. Use todo o corpo para golpear

Embora o que impacte seja o punho, o impulso é dado pelo resto do corpo. Ao começar, é provável que você tenha os pés lentos; não se preocupe, você pode aproveitar essa lentidão para “acumular” força e golpear com mais força.

Girar os ombros para a frente é fundamental, por exemplo, ao realizar um cruzado ou um jab. Isso dá mais impulso e assim você baterá mais forte. Os quadris também devem se mover e as pernas nunca devem ficar estáticas. É uma das regras básicas do boxe: use todo o corpo para os seus golpes!

6. Nunca abaixe sua guarda

Enquanto alguns pugilistas atuais como Floyd Mayweather são caracterizados por manter os braços baixos durante as lutas, um conselho sábio para um iniciante no boxe é sempre manter a guarda. Isso significa que as mãos fechadas cobrem o rosto e, ao mesmo tempo, permitem ver o adversário.

Quando estamos dando um golpe, a outra mão continua nessa posição para cobrir uma possível reação do oponente.

O boxe é um dos esportes mais completos, já que trabalha tanto o cardio como a musculação, e inclusive a defesa pessoal

7. Use protetores

Não é necessário apenas o protetor bucal, básico na prática do boxe, mas também são importantes a proteção para a cabeça e a virilha. Embora os golpes baixos não sejam permitidos, a princípio podemos receber algum impacto nessa área sensível.

Com relação ao protetor de cabeça, ele fará com que você se sinta mais seguro durante as primeiras vezes que subir no ringue. Depois, você pode deixar de usá-lo. Não se sinta ridículo com ele, é o que você precisa para evitar que os golpes o nocauteiem.

Se você é um iniciante no boxe, essas dicas serão muito úteis. Não hesite em consultar seu treinador e fazer todas as perguntas que tiver. E, claro, trabalhe bastante a técnica e a respiração antes de pedir para subir no ringue.

  • Juan Matías Luciano. (2013). El trabajo de la resistencia en el boxeo.