4 dicas para ser consistente no treinamento

15 de janeiro de 2020
Você acha difícil ser consistente no treinamento? Aqui estão algumas recomendações que te ajudarão a atingir a meta que você definiu sem perder a motivação ao longo do caminho.

É comum começarmos a nos exercitar com muita motivação e, aos poucos, ela vai sendo perdida. Para não passar por esse problema, aqui estão quatro dicas para ser consistente no treinamento. Todas são muito simples, por isso, dificilmente lhe custará algum esforço realizá-las.

Como ser consistente no treinamento

1. Defina seus objetivos

A primeira coisa que precisamos fazer antes de começar o treinamento é definir o objetivo que queremos alcançar. Nesse sentido, também é importante fazer um cronograma para calcular quanto tempo levará para alcançá-lo.

Normalmente, a meta pode ser alcançada em vários meses. Caso contrário, será um objetivo muito fácil e talvez você precise procurar um mais complexo.

Em outras ocasiões, vemos o objetivo final como algo distante e improvável. Com o passar das semanas, percebemos que é complicado e, como consequência, perdemos a motivação. Com o passar do tempo, então, paramos de treinar e esquecemos o objetivo inicial.

Para que isso não aconteça, a melhor opção é estabelecer objetivos a médio prazoDessa forma, podemos nos avaliar ao longo do processo.

Por exemplo, se o seu objetivo for percorrer 10 quilômetros, você primeiro precisará alcançar outros objetivos, como percorrer 5 km ou 7 km. Isso o manterá motivado durante todo o processo até alcançar o objetivo final.

2. Forme um grupo de treinamento

Pode parecer bobagem, mas o treinamento acompanhado é bem diferente do treinamento sozinho. Muitas pessoas preferem treinar sozinhas para não ter que se adaptar aos exercícios e horários das outras pessoas.

Como ser consistente no treinamento

No entanto, o treinamento individual é recomendado apenas no caso de a pessoa ter uma grande motivação e ser muito clara sobre o objetivo que deseja alcançar.

A maioria das pessoas que treinam sozinhas acaba perdendo a motivação rapidamente. É por isso que a melhor coisa para conseguir ser consistente no treinamento é procurar um grupo com necessidades semelhantes.

Saber que eles estão esperando por você na academia ou o medo de decepcionar o grupo fará com que você não perca a motivação e seja consistente.

Além disso, o mundo do esporte também representa um ambiente para fazer amigos. São pessoas com uma filosofia de vida semelhante à sua: a mesma maneira de pensar, conceber o esporte e aproveitar o tempo livre. Certamente, se você faz um treinamento em grupo, também acabará ganhando um grupo de amigos.

3. Competir para manter a motivação

As competições são a melhor maneira de medir o desempenho, se recuperar e permanecer motivado. Ao se preparar para as diferentes provas, você será capaz de ser consistente no treinamento e atingirá os objetivos que estabeleceu para si mesmo

Competir não significa que você precisa chegar em primeiro lugar. Basta participar de corridas populares ou qualquer competição a nível local. Você não deve procurar ser o melhor ou ter o melhor desempenho. Esta é simplesmente uma fonte de motivação que ajuda você a ser consistente no treinamento.

Ao mesmo tempo, você poderá saber como está a sua forma física e assim adaptar o seu treinamento. Lembre-se: vale a pena conhecer os diferentes eventos esportivos que ocorrem no local em que você vive.

Competir para manter a motivação

4. Siga um cronograma para ser consistente no treinamento

Seguir um cronograma estável nos ajudará a incorporar o treinamento no dia a dia, pois a rotina é essencial para ser consistente nos treinos. Não precisa haver um horário específico, mas isso dependerá de cada pessoa. A primeira coisa que você deve fazer é conhecer seu corpo e sua variação de energia ao longo do dia.

Algumas pessoas são mais ativas durante a manhã, outras preferem treinar no final da tarde. Os horários de trabalho ou outras atividades também influenciarão a criação do horário. 

Depois de fazer o cronograma, basta colocá-lo em prática. No começo, você precisará se adaptar, mas logo ele fará parte da sua rotina e você irá realizá-lo automaticamente.

Por fim, também recomendamos que você sempre treine supervisionado por um profissional, o que certamente você poderá encontrar na sua academia de confiança.

Essa pessoa indicará o número de dias que você deve realizar o treinamento, bem como o tipo de exercício que melhor se adapta às suas necessidades e objetivos.

  • Manso, j. . (2013). Planificacion del entrenamiento deportivo. Journal of Chemical Information and Modeling. https://doi.org/10.1017/CBO9781107415324.004