Exercícios com Power Ball para os dedos

29 de janeiro de 2019
É incrível como um acessório tão simples quanto a Power Ball pode nos oferecer tantas possibilidades. Nesse caso, vamos ver como elas podem nos ajudar a reabilitar os dedos após uma lesão, ou até mesmo preveni-las.

Esta bola, que é usada para a reabilitação das pessoas que sofreram uma lesão nas extremidades superiores, também pode ser usada no treino na academia. Neste artigo, vamos te contar sobre os melhores exercícios com Power Ball para os dedos, perfeitos caso você passe muitas horas usando o teclado ou o mouse.

A Power Ball e a recuperação de lesões

A Power Ball é uma esfera usada pelos médicos durante os tratamentos de recuperação de lesões, porque potencializa e fortalece os músculos. À primeira vista parece uma bola comum, mas se olharmos de perto, vamos perceber que dentro dela há um giroscópio.

Para que serve? Baseando-se no princípio da força centrípeta, ela nos força a resistir a uma força maior do que aquela que uma bola simples teria. Dependendo da velocidade com a qual a giramos, a Power Ball vai opor resistência e nos ajudar na nossa recuperação.

A melhor parte é que, para usá-la, não precisamos de eletricidade nem de uma bateria: ela é ativada puxando uma corda do seu interior e, depois, com a velocidade que damos a ela. Podemos até mesmo encontrar um modelo mais novo chamado autostart (“partida automática”, em inglês) que se ativa com o impulso dos dedos.

Para que é utilizada

A Power Ball é usada principalmente para tratar lesões, dores e problemas nos ombros, cotovelos, pulsos e dedos, pois diminui a inflamação e a dor. Atua reforçando o músculo lesionado e, ao mesmo tempo, trabalhando outras áreas próximas.

Além disso, esta esfera nos permite aumentar a coordenação e a flexibilidade dos músculos. Por essa razão, ela também é usada em academias ou em treinos em casa.

É recomendada não só no caso de ter sofrido uma lesão, tendinite ou acidente, mas também como prevenção de doenças típicas, tais como a famosa síndrome do túnel do carpo, o cotovelo de tenista (epicondilite) ou de golfista (epitrocleite).

A Power Ball e a recuperação de lesões

Se praticarmos esportes nos quais os braços façam muito esforço, tais como tênis, pádel, escalada, windsurf ou motociclismo, a Power Ball pode nos ajudar a fortalecer os músculos e articulações que são lesionados mais frequentemente. Entre eles, destacam-se os do ombro, do cotovelo e do pulso.

Exercícios de Power Ball para os dedos

Além do que foi mencionado anteriormente, você não precisa ser um atleta ou um atleta de elite para aproveitar os benefícios da Power Ball.

Muitas pessoas a utilizam durante a jornada de trabalho, principalmente se passam muitas horas digitando em um teclado ou usando o mouse do computador. Ela pode até mesmo ser útil se formos viciados em redes sociais e estivermos continuamente com o celular na mão.

Os exercícios de Power Ball para os dedos são benéficos para qualquer pessoa. Por isso, não hesite em praticá-los antes de ter dores ou como um tratamento para um problema específico:

1. Ponta dos Dedos 

Você pode começar com um exercício simples, mas muito eficaz. Pegue a bola com as pontas dos dedos da mão direita. Deixe o braço ‘solto’ e mantenha as costas e a cabeça retas.

Faça movimentos circulares rápidos com a Power Ball para que ela oponha resistência. Dessa forma, você vai fortalecer não apenas os dedos, mas também o pulso. Faça este exercício por 30 segundos e então troque de mão.

2. Dois dedos

Nesse caso, você vai precisar pegar a Power Ball com o polegar e o indicador; os outros três dedos ficam estendidos. Flexione ligeiramente o cotovelo e aponte a palma da mão para a frente. Gire cada vez mais rápido à medida que o giroscópio acelera. Complete 30 segundos antes de repetir com a outra mão.

Segurando a power ball

3. Para cima e para baixo

Este é um dos exercícios com Power Ball para os dedos que também exercita ombros, antebraços e cotovelos. Sente-se confortavelmente e pegue a bola com a mão inteira, como se fosse envolvê-la. Apoie o antebraço no joelho e deixe a mão suspensa no ar.

Uma vez nesta posição, faça movimentos rápidos para cima e para baixo, como se estivesse misturando uma massa de bolo ou batendo um iogurte. Após 20 segundos, troque de mão.

Em suma, como você deve ter notado, todos esses exercícios com Power Ball para os dedos são simples e levam apenas alguns minutos. No entanto, os benefícios em termos de prevenção e reabilitação são notáveis. Fortaleça seus músculos com a Power Ball!

  • Amo Usanos, C., Alonzo Fernández, J., Amo Usanos, I., Cantero Ayllón, M. J., & Puente Muñoz, A. I. (2000). Síndrome del túnel del carpo. DOLOR. https://doi.org/10.1016/S0211-5638(04)73099-0
  • Taleb, C., & Liverneaux, P. (2016). Lesiones recientes de los tendones flexores de los dedos. EMC – Técnicas Quirúrgicas – Ortopedia y Traumatología8(4), 1–10. https://doi.org/10.1016/S2211-033X(16)80744-6
  • Santos, L. G., Beltrán, J. A., & Pitarque, C. B. (2014). Lesiones deportivas de la muñeca y mano. Archivos de Medicina Del Deporte31(159), 41–50. https://doi.org/10.1016/B978-84-8174-844-4.50001-7
  • Le Nen, D., Hu, W., Dubrana, F., Prud’homme, M., Genestet, M., & Lefèvre, C. (2004). Fracturas, esguinces y luxaciones de la mano y los dedos. EMC – Aparato Locomotor37(1), 1–27. https://doi.org/10.1016/S1286-935X(04)70524-9