Exercícios cardio: 4 dicas para não colocar sua saúde em risco

· 16 de julho de 2018
Os riscos de sofrer de problemas cardiovasculares estão sempre presentes, especialmente em adultos mais velhos. Ao fazer exercícios físicos, estamos ajudando a evitar que isso aconteça. A intensidade, no entanto, pode ser contraproducente.

Os exercícios cardio trazem muitos benefícios à saúde, como a queima de calorias e a melhoria da eficiência dos sistemas respiratório e circulatório. No entanto, a alta exigência também pode trazer resultados ruins. Oferecemos algumas dicas para não colocar em risco a sua saúde.

Você deve sempre ter em mente essas dicas para evitar arriscar sua saúde. Se você decidir começar a nadar, correr, andar de bicicleta, fazer CrossFit ou qualquer outro esporte que exija do seu coração, estas são algumas sugestões para fazer isso de maneira saudável

4 dicas para não colocar sua saúde em risco fazendo exercícios cardio

É essencial tomar certas precauções para manter um coração saudável e capaz de resistir aos esforços que pedimos. Aqui estão algumas diretrizes que você deve considerar:

1. Esteja ciente de suas limitações

Embora a motivação, o entusiasmo e a disposição para romper nossos limites possam levar a grandes resultados, a verdade é que não devemos cair no erro de ter pressa.

O corpo se adapta pouco a pouco às demandas e avisa quando é hora de fazer uma pausa durante sua semana, ou pelo menos parar um pouco no momento do exercício. Não ignore esta mensagem; especialmente ao longo dos anos, isso poderia produzir uma demanda excessiva que seu sistema cardiovascular poderia não suportar.

2. Cuide do seu ambiente

Esta recomendação é de vital importância em épocas de verão, mas também no inverno. Temperaturas muito altas ou muito baixas podem ser extremamente perigosas quando combinadas com exercícios cardio.

Uma insolação, uma desidratação ou uma mudança súbita de temperatura podem ser a porta de entrada para uma complicação respiratória ou, pior, para o sistema cardiovascular.

Mulheres correndo na esteira na academia

Com isso, não queremos dizer que você deve se abster de se exercitar nessas estações, mas evite as horas de maior exposição ao frio ou ao calor. Além disso, considere outros fatores, como umidade, vento e chuva.

Em última análise, vale a pena notar que o frio e os exercícios cardio, com as devidas precauções, são uma combinação muito boa. Entre outras coisas, eles fortalecem as defesas e melhoram significativamente o desempenho físico.

No entanto, não é indicado para todos os tipos de pessoas. O descuido pode levar a sérias complicações a partir da entrada de ar frio e seco nos pulmões.

3. Realize exames médicos antes de começar

Se você vai começar a fazer um esporte, é provável que este requisito seja obrigatório. No entanto, se treinar sozinho, com um personal trainer ou se pensa em começar a fazer Crossfit, é recomendável consultar o seu médico antes.

A realização de um eletrocardiograma e uma ergometria podem ajudar a prevenir qualquer mau funcionamento que coloque em xeque a saúde do atleta. Além de ter o aval médico, você terá a garantia de que seu corpo suportará a intensidade.

4. Planeje seu treinamento com profissionais

Todas essas dicas para evitar colocar sua saúde em risco fazendo exercícios cardio serão observadas se você praticar exercícios com a orientação de um profissional que conhece o assunto. Aqui incluímos os médicos, que lhe dirão as circunstâncias específicas do seu caso, e os treinadores, responsáveis ​​pela elaboração do trabalho com base no exposto acima.

Ter um treinador que conheça suas condições, seu histórico familiar e os possíveis riscos à saúde o ajudará a planejar exatamente o treinamento de que você precisa. Além disso, é claro, garantirá o crescimento progressivo e não prejudicará o seu bem-estar de forma alguma.

Finalmente, não se esqueça de usar todas as ferramentas que você tem à sua disposição para medir seus resultados e progresso. A tecnologia nos oferece grandes possibilidades de saber quando parar.

Menina encostada em uma parede com roupas de exercício.

Outros hábitos para cuidar da saúde do coração

Além das recomendações acima mencionadas, que visam exclusivamente o esporte, devemos também considerar certos aspectos do nosso cotidiano para preservar a saúde. Com isso, nos referimos aos seguintes pontos:

  • Reduza ou elimine o consumo de sal adicionado.
  • Aumente a ingestão de nutrientes, como potássio, fibras e vitaminas.
  • Limite o consumo de gorduras saturadas e trans.
  • Reduza a ingestão de bebidas alcoólicas e tabaco.
  • Faça uma dieta saudável, que inclui vegetais, frutas, grãos integrais, peixes e nozes.

Além disso, sugere-se levar uma vida sexual ativa e saudável. Afinal, é uma excelente maneira de ativar o corpo e produzir hormônios que ativam o metabolismo.

Finalmente, reiteramos que você nunca deve esquecer a importância dos controles periódicos de saúde. Às vezes, mesmo não havendo sintomas, você pode vir a desenvolver uma complicação no futuro que poderia ter sido detectada e tratada com antecedência. Quando se trata de saúde cardiovascular, prevenção nunca é demais.