Quatro razões importantes para você ir dormir mais cedo

· 4 de agosto de 2018
Descansar durante o tempo certo e nas condições adequadas tem uma grande influência sobre o nosso desempenho, saúde e inclusive em qualquer atividade esportiva.

Com o acelerado ritmo da nossa rotina, o objetivo de dormir oito horas por dia parece cada vez mais distante. No entanto, os especialistas nos alertam sobre os riscos para a saúde do sono ruim de dormir poucas horas por dia. A seguir, veremos a importância de dormir mais cedo e respeitar os momentos de descanso e de relaxamento.

Quais são os motivos para dormir mais cedo?

Não faltam motivos para ir dormir mais cedo e manter uma boa qualidade de sono. O nosso corpo precisa nessa etapa de relaxamento para manter o seu bem-estar físico e mental. Estes são os principais benefícios de desfrutar de 8 horas de um bom sono todos os dias:

Efeito antioxidante

Dormir bem ajuda a combater os radicais livres e a prevenir os danos nas células. Essa ação é fundamental para prevenir inúmeras doenças degenerativas, incluindo o câncer, a demência e os problemas cardíacos.

Mulher dormindo na cama

Com uma quantidade adequada de sono, retardamos os sintomas de envelhecimento, melhorando a aparência da pele e a resistência dos tecidos ósseo e muscular.

Maior equilíbrio para o combate ao desgaste físico e psicológico.

Dormir mais cedo ajuda o seu corpo a processar mais suavemente os desgastes físico, cognitivo e emocional. Os pacientes com distúrbios do sono são mais propensos a desenvolver sintomas de depressão, ansiedade, estresse ou raiva.

Por estas razões, um sono de boa qualidade ajuda a evitar muitas doenças físicas e psicológicas. Além disso, é essencial para reduzir a sensação de fadiga constante e melhorar a disposição. Dormir bem irá ajudar a regular o seu metabolismo e a obter um melhor desempenho no trabalho e a nível pessoal.

Gerenciar um peso saudável

As pessoas que dormem menos também são mais propensas à obesidade. Sendo assim, uma gestão de um peso saudável é uma das razões para ir dormir mais cedo e valorizar as suas horas de sono. Lembre-se que o excesso de peso é um fator de risco para várias doenças como diabetes, hipertensão e outros problemas cardiovasculares.

Dormir bem melhora a sua resistência física

Diariamente nos expomos a um alto nível de estresse para cumprir as nossas responsabilidades no trabalho. Mas isso não significa que devemos descuidar da nossa vida pessoal. Durante a semana, nós costumamos ficar acordados até altas horas da madrugada e temos que acordar cedo para começar um novo dia.

Tudo isso parece um simples relato do nosso dia a dia, mas é um risco preocupante para o nosso bem-estar. O organismo de uma pessoa que não descansa adequadamente se assemelha a uma máquina que corre solta. Cedo ou tarde, a consequência lógica de dormir pouco ou mal é um colapso e suas consequências nunca serão benéficas.

O seu organismo precisa se recuperar para se preparar para um novo dia tarefas, desafios e novas emoções. O sono impacta diretamente o metabolismo das nossas células e a resposta do nosso sistema imunológico. Por esta razão, as pessoas que dormem bem tendem a ser mais resistentes à dor e ficam doentes com menos frequência.

Dormir bem reduz o risco de padecer de Alzheimer

Estudos recentes identificaram uma maior concentração de biomarcadores da doença de Alzheimer em pessoas que dormiam menos de cinco horas por dia. O mesmo padrão foi observado naqueles pacientes que mantiveram seis a oito horas de sono, mas sofriam de distúrbios do sono.

Entre os fatores mais importantes a serem considerados quando você vai para a cama mais cedo está a necessidade de proteger o cérebro e prevenir um princípio de Alzheimer.

Por que é tão importante você dormir mais cedo e descansar melhor

No geral, mudar os seus hábitos e melhorar a sua qualidade de vida depende das suas próprias escolhas. O objetivo de conseguir dormir melhor requer atitudes simples e cotidianas para se tornar uma realidade.

Cumprindo esses conselhos e dicas, você poderá melhorar a sua qualidade de sono:

  • Diminua o nível de estresse no seu dia a dia.
  • Mantenha uma dieta equilibrada e completa, que priorize o consumo de alimentos naturais e de origem orgânica.
  • Pratique exercícios físicos de forma regular (de preferência uma vez por dia, de 30 e 60 minutos).
  • Respeite os momentos de relaxamento, descanso e entretenimento (ninguém deve viver para o trabalho).
  • Estabeleça limites saudáveis ​​entre a sua vida pessoal e profissional.
  • Adote um hobby ou escolha alguma atividade que favoreça o seu equilíbrio físico e mental, tais como yoga ou pilates.

Finalmente, devemos enfatizar a importância de consultar um médico especialista em distúrbios do sono. O profissional irá avaliar a necessidade de estabelecer um tratamento à base de produtos naturais ou medicamentos para ajudá-lo a reduzir o estresse e a dormir melhor.