Exercícios para eliminar os pneuzinhos

· 3 de maio de 2019
Se você estiver tentando se livrar dessa gordura excessiva no abdômen e em outras partes do seu corpo, você não pode deixar de lado os exercícios que vamos listar aqui.

Os pneuzinhos são um acúmulo de gordura, principalmente nos quadris, no abdômen e nas coxas. Esse acúmulo tende a se destacar e a parecer pouco atraente. No entanto, existe uma solução: vamos compartilhar os melhores exercícios para eliminar os pneuzinhos. Continue lendo!

O problema dos pneuzinhos geralmente é mais comum nas mulheres do que nos homens, já que ambos possuem processos hormonais diferentes. Então, elas tendem a acumular mais gordura em locais específicos.

No entanto, isso não significa que isso aconteça exclusivamente com as mulheres. Independentemente do sexo, os pneuzinhos nada mais são do que gordura acumulada que pode ser queimada facilmente fazendo exercícios. Então, anime-se e elimine-os com os exercícios a seguir!

Exercícios para eliminar os pneuzinhos

Pular corda

Pular corda traz muitos benefícios para o corpo, tais como uma melhor coordenação e capacidade respiratória e a eliminação de toxinas. No entanto, o mais significativo neste caso é a queima de calorias, uma vez que este é um dos mecanismos fundamentais para eliminar os pneuzinhos. Então, vamos pular corda!

Correr

Correr é um exercício ideal para eliminar os pneuzinhos, mas também ajuda a reduzir a celulite e aumenta o fluxo de sangue no corpo. Além disso, você não precisa de nenhum equipamento, apenas um bom par de tênis e pronto!

Exercícios para se livrar dos pneuzinhos

Burpees

Os burpees são um exercício bastante completo criado por um antigo fisiologista chamado Royal H. Burpee. Este exercício foi usado para treinar soldados americanos para a Segunda Guerra Mundial e, a partir de então, os burpees se tornaram um exercício feito em muitos treinamentos.

Uma das muitas características positivas dos burpees é que você elimina a gordura e tonifica ao mesmo tempo. Isso é adequado para se livrar dos pneuzinhos e fortalecer as áreas onde você estiver eliminando a gordura.

Os burpees são um exercício bastante completo

Agachamentos

Ter glúteos redondos e coxas firmes é possível graças aos agachamentos. Existem vários tipos de agachamento que você pode implementar para exercitar o seu corpo:

  • Sumô.
  • Com salto.
  • Goblet.
  • Pistol.
  • Com halteres.

Você pode, por exemplo, fazer treinos de agachamento duas vezes por semana. A melhor parte deste exercício é que ele dá resultados muito rápidos; para tirar proveito disso você só precisa ser constante.

Existem vários tipos de agachamento

Zumba fitness

A zumba é uma opção divertida e dinâmica para dizer adeus aos pneuzinhos. Além disso, os passos de dança estimulam o seu corpo a um ponto em que você nem perceberá toda a gordura que estará queimando. Você pode se matricular em aulas ou comprar os DVDs de Zumba Fitness.

Treinamento HIIT

HIIT significa ‘High Intensity Interval Training’, que pode ser traduzido para o português como ‘treinamento intervalado de alta intensidade’. Eles são exercícios de alta intensidade feitos durante intervalos curtos.

O objetivo é trabalhar o corpo ao máximo durante os períodos de exercício e, assim, queimar a maior quantidade de gordura possível.

O treinamento HIIT é rápido de implementar, embora possa ser um pouco exigente; no entanto, os seus resultados são excelentes e por isso ele vale muito a pena.

Treinamento HIIT

Abdominais

Os abdominais são eficazes para eliminar os pneuzinhos. Nesse sentido, é importante destacar que é muito melhor fazer diferentes tipos de abdominais, em vez de sempre fazer o mesmo tipo.

O mais aconselhável é exercitar todos os músculos abdominais, desde os oblíquos até os músculos centrais. Algumas opções de exercícios abdominais que você pode fazer são as seguintes:

  • Prancha.
  • Elevações de perna
  • Crunch com bicicleta.
  • Abdominais tesoura.
  • Twist russo.

Treinamento LISS

O treinamento LISS é uma ótima opção para as pessoas que não estão acostumadas a se exercitar e que também estão buscando uma maneira simples de treinar.

LISS significa ‘Low Intensity Steady State’, que pode ser traduzido como ‘estado prolongado de baixa intensidade’. Este nome se deve ao fato de que o treinamento LISS é composto de exercícios cardiovasculares de baixa intensidade.

Além disso, esta opção de treinamento é muito variada e simples de integrar ao seu estilo de vida. A seguir, vamos mostrar algumas opções de treinamento LISS:

  • Andar de bicicleta.
  • Nadar.
  • Caminhar.
  • Correr.
Treinamento LISS para eliminar os pneuzinhos

Comer de forma saudável é essencial para eliminar os pneuzinhos

Fazer exercícios é essencial para eliminar os pneuzinhos. No entanto, este não é o único fator que vai influenciar no processo. Comer de forma saudável e se manter hidratado são elementos a serem levados em consideração se você quiser atingir o seu objetivo.

Portanto, evite comer alimentos e bebidas com alto teor de açúcar. Ao invés disso, acompanhe estes exercícios com uma dieta saudável e muita água. Diga adeus aos pneuzinhos com estas dicas simples!

  • Gillen, J. B., & Gibala, M. J. (2014). Is high-intensity interval training a time-efficient exercise strategy to improve health and fitness? Applied Physiology, Nutrition, and Metabolism39(3), 409–412. https://doi.org/10.1139/apnm-2013-0187
  • Trapp, E. G., Chisholm, D. J., Freund, J., & Boutcher, S. H. (2008). The effects of high-intensity intermittent exercise training on fat loss and fasting insulin levels of young women. International Journal of Obesity32(4), 684–691. https://doi.org/10.1038/sj.ijo.0803781
  • Fernández Vázquez, R., Martínez Blanco, J., García Vega, M. del M., Barbancho, M. Á., Cruz, J. R. A., & Alvero-Cruz, J. R. (2015). EFFECTS OF FOOD AND DRINK INGESTION ON BODY COMPOSITION VARIABLES OF ABDOMINAL BIOELECTRICAL IMPEDANCE. EFECTOS DE LA COMIDA Y LA BEBIDA SOBRE LAS VARIABLES DE COMPOSICIÓN CORPORAL EN LA BIOIMPEDANCIA ABDOMINAL.32(5), 2269–2273. https://doi.org/10.3305/nh.2015.32.5.9618
  • González Calvo, G., Hernández Sánchez, S., Pozo Rosado, P., & García López, D. (2011). Asociación entre tejido graso abdominal y riesgo de morbilidad: Efectos positivos del ejercicio físico en la reducción de esta tendencia. Nutricion Hospitalaria. https://doi.org/10.3305/nh.2011.26.4.5201