Características do sistema defensivo 6×0 do handebol

5 de fevereiro de 2019
Cada esporte tem suas diferentes táticas para defender e atacar. Em grande parte, isso é o que os torna tão únicos e emocionantes. Vamos apresentar uma das táticas defensivas mais usadas no handebol.

As táticas dos esportes não devem ser aprendidas apenas pelos jogadores: todos somos capazes de conhecê-las e analisá-las, até mesmo quando estamos assistindo uma partida dos Jogos Olímpicos ou do Campeonato Mundial. Neste artigo, vamos falar sobre as principais características do sistema defensivo 6×0 do handebol.

O sistema defensivo no handebol

Esse esporte, chamado de handball em inglês, é um dos mais acompanhados em nível mundial por causa do seu ritmo, sua adrenalina e, claro, suas técnicas. O ataque e a defesa são as situações nas quais as equipes, formadas por seis jogadores de campo e um goleiro, devem colocar em prática o que trabalharam durante o treino.

No caso específico do sistema defensivo do handebol, existem diferentes tipos de defesa. Além do 6×0 (do qual falaremos mais adiante), as equipes podem armar suas estratégias com base na capacidade dos seus jogadores ou no momento específico da partida.

Como costumamos dizer nesse esporte, e em vários outros também: o melhor ataque é uma boa defesa. Se a equipe se protege bem do ataque do adversário, pode roubar a bola, contra-atacar e fazer um ponto ao seu favor. Nesse sentido, os tipos de sistema defensivo do handebol são:

Defesa 5×1

O jogador que fica adiantado (o 1 na fórmula) é fundamental, já que se move em todas as direções e vai variando a profundidade no campo, considerando a atuação dos seus adversários.

Quando a bola já tiver sido roubada por qualquer um dos seus companheiros (os outros 5), ela é passada automaticamente para aquele que estiver livre para que contra-ataque, aproveitando o fato de os contra-atacantes da equipe adversária estarem longe do seu próprio gol.

O jogador adiantado, além disso, tem a função de evitar que a bola circule entre os adversários, além de manter a defesa fechada.

nikola karabatic jogando handebol no jogo entre frança e noruega pela euro

Defesa 4×2

Semelhante a anterior, difere no fato de que nesse sistema defensivo do handebol os jogadores ficam adiantados, e revezam para sufocar o adversário. Devem impedir que ele se infiltre na barreira formada pelos quatro companheiros mais próximos ao gol.

O ponto negativo desse sistema defensivo é que podem surgir buracos ou espaços livres na área, nos quais o adversário pode se infiltrar sem problemas. Muitas vezes, uma defesa 4×2 pode se tornar uma 5×1 na mesma jogada.

Defesa 3×3

Formam-se duas linhas de defesa de três jogadores cada uma. O objetivo é fazer pressão sobre a equipe adversária, impedindo que se aproxime demais do gol.

O problema é que, se por algum motivo a primeira for furada, a segunda fica um pouco frágil e com muitos espaços livres que permitem a infiltração da bola na direção do goleiro.

Defesa 3x2x1

Trata-se de um dos sistemas de defesa mais complicados, já que os jogadores formam três linhas paralelas ao gol. Três jogadores ficam mais perto do gol, dois ficam no centro e um fica mais adiantado, forma-se um triângulo imaginário.

As equipes que optam pelo sistema defensivo 3x2x1 devem estar muito bem treinadas e em boa forma física. Além disso, precisam conhecer ao máximo os seus companheiros e trabalhar 100% em equipe.

A defesa 6×0: a muralha impenetrável

Todos os sistemas defensivos têm como missão principal não permitir que o adversário faça um ponto. Em segundo lugar, buscam conseguir a bola para fazer o contra-ataque. E por isso a defesa 6×0 é uma das mais usadas no handebol.

Esse esquema defensivo se desenvolve quando os seis jogadores da equipe se colocam em frente à linha dos seis metros para evitar que a equipe adversária faça o arremesso da bola na direção do gol ou, caso consiga fazê-lo, não tenha outra alternativo senão fazer o arremesso de mais longe.

alberto entrerrios na seleção de handebol

Como essa tática funciona?

Claro que esse sistema defensivo não é imbatível, já que sempre ficam buracos ou espaços livres por onde a bola pode passar. Como impedir isso? Os movimentos dos jogadores de defesa são a chave.

A defesa 6×0 não significa seis jogadores parados como estátuas ou com armaduras no melhor estilo dos guardas do Palácio de Buckingham. Eles podem ir se agrupando ou se separando, conforme vão se movimentando os seus adversários; eles podem ir mais na direção do lateral direito, do centro, mais para o escanteio esquerdo…

Nesse caso, os jogadores ficam posicionados em uma linha só e vão se movendo fazendo bloqueios ou barreiras. O objetivo dessa forma de defesa é que não haja áreas livres que enfraqueçam o gol.

Por fim, é bom saber que a defesa 6×0 também admite outras variáveis e que pode ser desfeita no momento que for conveniente. O que possibilita esse sistema funcionar é a desatenção: um movimento em falso pode trazer como consequência um gol contra. Por isso eles treinam tanto antes da competição!

  • Gutierrez-Davila, M., Rojas, F. J., Ortega, M., Campos, J., & Parraga, J. (2011). Anticipatory strategies of team-handball goalkeepers. Journal of Sports Sciences29(12), 1321–1328. https://doi.org/10.1080/02640414.2011.591421
  • Fruchart, E., Pâques, P., & Mullet, E. (2010). Decision-making in basketball and handball games: A developmental perspective. Revue Europeenne de Psychologie Appliquee60(1), 27–34. https://doi.org/10.1016/j.erap.2009.10.003
  • Bilge, M. (2012). Game analysis of Olympic, World and European Championships in men’s handball. Journal of Human Kinetics35(1), 109–118. https://doi.org/10.2478/v10078-012-0084-7