Por que é mais difícil emagrecer depois de uma recaída?

30 de janeiro de 2019
Quando começamos uma dieta, geralmente fazemos isso com entusiasmo e convicção mas, muitas vezes, conforme os dias vão passando, pode ficar mais difícil seguir a dieta e assim engordamos novamente; posteriormente, vai ser mais difícil voltar a emagrecer

Emagrecer é um objetivo que não apenas nos beneficia esteticamente, mas também em relação à saúde. Porém, é necessário um grande nível de comprometimento e força de vontade, e mesmo assim podemos falhar na busca do nosso objetivo. Emagrecer depois de uma recaída acaba sendo mais difícil. Descubra por que a seguir.

Por que é mais difícil emagrecer depois de uma recaída?

Existem diferentes razões para emagrecer, como por exemplo: querer ter uma melhor aparência, ter uma melhoria em termos de saúde, levar uma vida mais saudável, entre outros. Para emagrecer, certos passos devem ser seguidos, tais como fazer exercício, manter uma dieta saudável e mudar alguns hábitos.

Quando essa decisão é tomada e essas mudanças começam a ser feitas na alimentação e na rotina diária, nosso cérebro tenta assimilar tudo da melhor maneira possível.

Mas, de um momento para o outro, acontece de você sair da dieta ou então trapacear, o que torna ainda mais difícil emagrecer depois disso. Vamos te contar porque isso acontece:

Não é a dieta adequada

A maioria das pessoas que tenta emagrecer espera obter resultados rapidamente. E, por esse motivo, geralmente escolhem dietas que são bastante restritivas sem perceber que elas podem ser prejudiciais à saúde.

Mulher recusando pão

Quando uma pessoa que está acostumada a comer qualquer tipo de alimento e em grandes quantidades se submete a uma dieta com pouquíssimas porções, essa mudança repentina produz uma mudança hormonal enquanto se emagrece tão rapidamente.

O corte significativo de calorias na dieta afeta os níveis de grelina e leptina, hormônios responsáveis por regular a sensação de fome e de saciedade. Assim, não só se torna emocionalmente difícil emagrecer depois de uma recaída, mas a parte hormonal também não colabora.

Portanto, é melhor escolher uma dieta na qual não vamos sofrer restrições ao ponto de alterar esses hormônios, de forma que eles possam colaborar e não prejudicar.

Força de vontade

Este é um requisito essencial para emagrecer: a força de vontade. Os novos hábitos que você deve ter para emagrecer devem ser consistentes. Ou seja, cada passo deve ser dado com segurança e convicção, sem tirar os olhos do objetivo.

Se você ficar pensando constantemente em tudo o que comia antes, provavelmente você mesmo vai começar a provocar as tentações.

E se você tiver um nível fraco de força de vontade, você vai acabar cedendo à tentação. Às vezes, ceder e se permitir depois de tanto evitar pode ser pior do que ter se permitido em primeiro lugar.

Garota recusando doce e comendo maçã

Vamos compreender isso melhor com um exemplo: suponha que você está há vários dias com vontade de comer chocolate e então passe por uma padaria onde o cheiro de bolos, brownies e biscoitos é bastante acentuado.

No final, você acaba entrando e comendo todos os tipos de doces que não come há dias. Neste exemplo, é possível observar como você pode acabar comendo o dobro de uma vez só ao ceder à pressão.

Essas coisas acontecem, o problema é que há momentos em que a queda é tão grande que compromete tudo aquilo para o qual você estava trabalhando. O que, na verdade, faz com que emagrecer depois de uma recaída seja mais difícil, é que você entra em um círculo vicioso de emagrecer e engordar.

Estilo de vida

Emagrecer não é simplesmente diminuir o número na balança. Emagrecer implica em uma mudança no seu estilo de vida, nos seus hábitos e prioridades. Existem pessoas que não assimilam isso corretamente; ou seja, seguem uma dieta, conseguem emagrecer; mas depois de um tempo voltam a engordar novamente.

Isso ocorre porque não houve uma mudança nos seus hábitos; não houve um impacto real no que diz respeito a ser saudável. Por isso é difícil manter o peso adequado.

É necessário entender que tudo o que é feito no processo para emagrecer deve ser direcionado ao desenvolvimento de um estilo de vida que deve ser mantido permanentemente.

Emagrecer é mais do que uma conquista estética; é uma conquista pessoal que vai melhorar a sua saúde. Um boa alimentação e atividades físicas fortalecem os passos em direção a uma vida longa e plena; tanto fisicamente quanto mentalmente.

Portanto, não fique mais esperando, mude já os seus maus hábitos e assim seja capaz de mostrar ao mundo o seu potencial.