Dietas autodidatas trazem riscos à saúde

20 de outubro de 2019
Você é uma daquelas pessoas que cria as suas próprias dietas? Você deve saber que essa é a tarefa de um profissional especializado. Com as diretrizes corretas, você atingirá seus objetivos e, além disso, não colocará a sua saúde em risco.

Dietas autodidatas são muito mais comuns do que pensamos. Um grande número de pessoas que praticam esportes decide atingir seus objetivos de forma autônoma e sem recorrer à ajuda de um profissional. Esse é um erro grave pois, na maioria dos casos, o corpo acaba sofrendo como resultado de uma dieta pobre.

A seguir, explicaremos quais são os principais riscos à saúde das dietas autodidatas para aqueles que praticam atividades físicas. Como você verá, os problemas podem se tornar realmente sérios.

Características das dietas autodidatas

As dietas dos esportistas são aquelas cujo principal objetivo é aumentar a massa muscularEsses tipos de planos alimentares exigem paciência e perseverança, pois os resultados levam tempo para aparecer.

A principal consequência de uma dieta mal planejada é o aumento de gordura. É por isso que é essencial ter uma alimentação adequada para ganhar músculos sem aumentar os níveis de gordura.

Para que uma dieta seja eficaz, as proteínas precisam ter um peso importante na alimentação diária. Ao contrário do que muitos acreditam, as gorduras e carboidratos também precisam estar presentes. Tudo o que você deve ter em mente é que é necessário consumi-los em pequenas proporções.

Você também precisa entender que o exercício é uma parte fundamental para alcançar os seus objetivos. Alimentação e esforço físico sempre andam de mãos dadas. Se deixarmos um de lado, será impossível alcançar o corpo desejado.

Depois de atingir o seu objetivo, a sua dieta deve variar moderadamente. Isso ocorre porque o objetivo é permanecer na situação atual e não continuar aumentando a massa muscular.

Características das dietas para musculação

Por que você deve recorrer a um profissional

Muitos atletas não acham necessário procurar um profissional para montar uma dieta. É verdade que hoje existem inúmeros recursos sobre esse tópico na web que podem ser acessados ​​de maneira fácil, rápida e completamente gratuita.

No entanto, todo esse tipo de informação é geral e, apesar de muito útil, em muitos casos não é adaptada aos requisitos específicos de cada indivíduo. 

Comentamos anteriormente que uma dieta de um atleta deve se concentrar nas proteínas, mas que não devemos nos esquecer dos carboidratos ou gorduras. Você deve ter notado que não estamos falando de valores exatos, pois isso só pode ser decidido por um profissional com base na análise da pessoa que comparece à consulta.

Cada um de nós tem um metabolismo diferente, uma meta que varia em cada caso e, acima de tudo, uma genética única. Com base nessas três características, o profissional o guiará e fará um plano de refeições especialmente criado para você.

Essa é a melhor maneira de montar uma dieta eficaz que, com esforço e paciência, irá ajudá-lo a alcançar seus objetivos.

Riscos para a saúde das dietas autodidatas

Até agora falamos sobre a ineficácia das dietas autodidatas. Quando não são feitas adequadamente, a gordura tende a se acumular. No entanto, você também deve saber que os riscos vão muito além da impossibilidade de alcançar objetivos pessoais. Aqui estão alguns deles:

  • Diminuição dos níveis do pH: a alta ingestão de proteínas é tremendamente prejudicial ao organismo. Isso implica em uma diminuição dos níveis do pH, o que pode levar a alterações metabólicas, problemas renais ou uma maior probabilidade de quebra óssea.
  • Elevação dos níveis de ácido úrico: ocorre quando grandes proporções de carne são consumidas. É quando a gota aparece ou problemas mais sérios, como pedras no fígado.
Riscos para a saúde das dietas autodidatas

Conclusão sobre as dietas autodidatas

Esperamos que, depois de ler este artigo, você deixe de lado as dietas autodidatas. Em vez disso, sempre recorra a um profissional.

Essas pessoas têm o treinamento certo para lhe dizer qual é o melhor plano alimentar especialmente projetado para você. Além disso, eles cumprem um papel motivacional que o ajudará a atingir seus objetivos e a não jogar a toalha na metade do caminho.

Finalmente, você não deve esquecer que o mais importante é sempre a saúde. Não a troque por um corpo perfeito ou para economizar o dinheiro de uma consulta com um profissional. A longo prazo, isso pode trazer grandes problemas!

  • Rivera, V. M. R. (2008). Propiedades de las proteínas. In Bases de la Alimentación Humana.