Ideias de café da manhã para atletas

· 3 de fevereiro de 2019
Os alimentos ingeridos durante a manhã definem nossa carga de energia durante todo o dia, e não se trata somente dos atletas que devem comer mais no café da manhã, mas todos devem planejar uma refeição adequada para a atividade que será realizada

Todos os nutricionistas concordam que a primeira refeição do dia é a mais energética. Mas se praticamos algum esporte, a constituição desta refeição alimentar deverá ser ainda mais controlada. O café da manhã para os atletas é um pouco diferente dos de uma pessoa normal. Saiba por que a seguir.

Café da manhã americano para atletas

Parece mentira, mas este menu tão enraizado nos Estados Unidos é bastante recomendado para atletas. Estamos falando de torradas, ovos e um pedaço de presunto para obter uma boa quantidade de proteínas.

Mulher segurando bandeja de café da manhã

Claro que isso não será suficiente. Portanto, devemos sempre complementar com um suco de laranja, natural de preferência. Junto com uma pequena banana, teremos uma contribuição de potássio que é essencial ao fazer atividade física.

Junto com o acima, um pouco de iogurte light não vai cair mal. Dentro do mundo da fitness, este é um café da manhã altamente recomendado, e pode ser acompanhado por smoothies antes ou depois de treinar.

Café da manhã para jogadores de futebol

Para aqueles que praticam esse esporte, talvez o café da manhã ideal seja um pouco mais leve para enfrentar o treinamento. Neste caso, devemos ter uma boa fonte de cereais e pão. Isso será o principal.

O leite e o café são importantes para obter proteínas e ativar os músculos. Este tipo de atleta deve tentar comer uma boa quantidade de fruta, pois elas ajudam a sintetizar vitaminas e minerais.

Claro, tudo isso deve ser acompanhado de muita água e bebidas energéticas durante e após o treinamento. Já para o almoço e o resto das refeições, as taxas serão combinadas.

Café da manhã para esportistas aquáticos

Para tomar café da manhã no dia das atividades de esportes aquáticas, será essencial o consumo de carboidratos, motivo pelo qual o atleta deve esperar pelo menos 2 horas para treinar.

Cereais, boas quantidades de pão e oleaginosas definirão a rotina de alimentação matinal do nadador. Mel, geleia e laticínios complementarão os insumos para a prática de um dos esportes mais exigentes que existem. A banana será uma ótima fonte de potássio.

Mas se o treinamento for matinal, é correto fazer uma ingestão alimentar provisória e energética baseada em líquidos. Suco de fruta, leite desnatado e uma barra energética serão suficientes para aguentar o treino. As bebidas esportivas baseadas em eletrólitos não podem faltar no contexto do treinamento.

Mulher tomando café da manhã na cama

Um café da manhã para atletas energético

Mas se o que queremos é ir com energia para a academia, devemos acrescentar alguns suplementos adicionais. Assim, nas torradas, ovos, cereais e leite, devemos incluir, por exemplo, um pouco de manteiga, espalhada no pão.

Geleia, azeite e tomate nos dará uma carga energética ligeiramente mais pronunciada. E além do suco de laranja, seria aconselhável cerca de 10 passas e 5 nozes para dar aquela energia a mais.

Desta forma, vamos render nos exercícios com pesos e máquinas até o próximo shake ou lanche. A dinâmica até aqui está bem clara: café da manhã com proteínas controladas, com muitas vitaminas, mas que não seja muito pesado para a digestão. Resumindo, uma porção de alimentos equilibrada.

Como são os cafés da manhã para os atletas?

Existe uma proporção estabelecida no café da manhã para atletas. De um modo geral, a refeição da manhã deve ter de 55 a 70% de carboidratos, 20 ou 25% de gorduras e 10 a 20% de proteínas. Naturalmente, a proporção varia dependendo do tipo de disciplina praticada.

Além disso, o essencial é que haja uma absorção de nutrientes suficiente e equilibrada. O que é mais desejado com este regime é a captação de energia sem que o sistema digestivo seja comprometido.

E geralmente esses cafés da manhã não geram mais de 500 calorias por porção diária. Carboidratos e gorduras permitirão boa nutrição, mas eles serão queimados durante o exercício. Desta forma, é possível manter uma boa condição física e tonicidade muscular desejada.

Ademais, é aconselhável consultar o treinador e a nutricionista para saber o que cada corpo realmente precisa. Afinal, cada corpo é diferente e precisa ser trabalhado de forma diferente.