Alimentação para corredores: o que evitar para melhorar seus resultados

· 11 de julho de 2018
A alimentação é responsável pelas boas condições de saúde do nosso corpo. Na corrida ou em qualquer atividade esportiva, a dieta é um dos principais elementos, sendo determinante para alcançar os objetivos propostos.

Uma dieta desequilibrada irá piorar significativamente o seu desempenho como corredor. Daí está a importância de saber o que você deve e não deve comer se você quiser melhorar seus resultados. Veja a seguir dicas de alimentação para corredores.

Os alimentos que você não deve comer se quiser melhorar seus resultados como corredor

Uma dieta por si só não fará milagres. No entanto, comer os alimentos corretos de acordo com a atividade física a ser realizada, idade e sexo, é essencial para alcançar os objetivos.

É muito importante comer os alimentos corretos e evitar outros que não são muito recomendados. Dessa forma, você irá alcançar sua máxima performance através da realização de uma determinada atividade física.

O açúcar branco, a lactose, os alimentos ricos em gordura e picantes são alguns dos exemplos de alimentos que um corredor deve evitar. Você deve buscar alimentos leves e fáceis de serem digeridos, mas que, ao mesmo tempo, forneçam a energia necessária para realizar a corrida até o fim.

Alimentação para corredores: o que não comer

Lactose

A lactose é especialmente contraindicada antes de uma sessão de treino ou de uma corrida. A principal razão para isso é que ela costuma ser um alimento bastante pesado e difícil de ser digerido.

Mulher bebendo um copo de leite

Doces e outras comidas açucaradas

Os alimentos ricos em açúcar branco, como doces e alimentos industrializados, devem ser evitados. Além dessas comidas não serem ideais na alimentação para corredores, não são indicadas para dietas que visam um resultado saudável para o organismo.

Na dieta de um esportista, esses são alimentos ricos em calorias vazias e podem causar dores de cabeça e fadiga durante o treino. Por isso, devem ser substituídos por outras alternativas.

Bebidas esportivas e refrigerantes

As bebidas esportivas e estimulantes são consideradas, em muitos casos, como opções saudáveis. No entanto, não é aconselhável consumir esse tipo de bebida antes de treinos e corridas, uma vez que elas costumam ser feitas a base de açúcar.

Uma alternativa para essas bebidas é a água mineral. Uma bebida ideal para manter o corredor hidratado antes, durante e depois da corrida. Além disso, a quantidade de água deve ser generosa para prevenir a desidratação do esportista.

Alimentos gordurosos

As comidas com alto índice de gordura devem estar presentes em toda dieta de forma controlada. Não obstante, elas devem ser evitadas antes de correr. Por que isso? Geralmente, os alimentos com elevado índice de gordura são pesados e muito difíceis de digerir. Sendo assim, eles podem afetar de forma direta o rendimento do corredor.

Bife alto e gorduroso em um prato

Com relação aos suplementos de proteína, é necessário prestar atenção se já não consumimos nossos nutrientes dos alimentos. Isso quer dizer que não devemos ingeri-los em excesso.

Comidas picantes

Os alimentos picantes podem ser contraproducentes para o corredor, especialmente se eles forem consumidos um pouco antes de correr. No geral, os alimentos picantes aceleram o metabolismo. Não obstante, o consumo deles também está associado aos problemas de estômago e à acidez.

Alimentação para corredores: alimentos ideais

Grãos e legumes integrais

Os grãos e os legumes integrais constituem alguns dos alimentos mais recomendados para a dieta de um corredor e para todas as pessoas que buscam manter uma alimentação mais saudável. Os grãos integrais transformam a glicose em energia e, consequentemente, o resultado do rendimento será superior.

Beterraba

Estudos científicos comprovaram que o consumo da beterraba pode favorecer consideravelmente o rendimento dos atletas. Isso se deve ao índice elevado do nitrato, que é transformado no corpo do atleta permitindo que ele corra mais rápido, além de ajudar a melhorar a sua resistência.

Vegetais verdes e produtos de soja

O cálcio presente em vegetais verdes e em produtos de soja é essencial para o bom desempenho do corredor. O brócolis, o espinafre, as anchovas e as sardinhas são alguns dos alimentos que todo corredor pode e deve consumir regularmente.

Também é recomendado para os atletas o consumo de proteínas, que são leves se forem consumidas um pouco antes da corrida.

Agora sabemos que o que você não deve comer se quiser ter melhores resultados como corredor são basicamente alimentos ricos em gorduras e açúcares. Os grãos e legumes integrais, os vegetais verdes, a beterraba e as proteínas magras são os alimentos ideais.

Portanto, a dieta de um corredor deve conter alimentos com a capacidade de transformar os seus componentes em energia da forma mais eficiente possível. Isso resultará em melhores resultados tanto com relação à velocidade quanto à força.