Está entediado com o seu treino? Faça exercícios com trampolim!

· 24 de novembro de 2018
O trampolim ou cama elástica é uma estrutura de metal com uma lona, e ambos são geralmente usados ​​para fins de entretenimento das crianças. Entre 1981 e 1984, no entanto, o trampolim foi popularizado também como um método de treinamento físico.

Fazer exercícios com trampolim é uma excelente maneira de se divertir e liberar o estresse da rotina. Além disso, você queima muitas calorias e melhora sua circulação. Inclusive, um estudo conduzido pela NASA em 1980 concluiu que… Fazer exercícios com um trampolim é 68% mais eficiente que correr!

Esse estudo te chamou a atenção, não é mesmo? Fazer exercícios com trampolim é definido como rebound exercises ou em português exercícios de rebote. Consiste em realizar movimentos em um trampolim que vão contra a força da gravidade.

Estamos nos referindo ao ato de pular. Nos exercícios com trampolim há uma variedade de saltos que estimulam os músculos, ligamentos, coordenação, entre outros.

Treinar com rebote é perfeito para pessoas que sofreram lesões ou que estão acima do peso, pois os exercícios de trampolim são de baixo impacto.

Além disso, eles fornecem outros benefícios, como uma boa circulação, diminuição do risco cardíaco, prevenção da osteoporose e perda de peso. Então não espere mais, tente estes exercícios com trampolim:

Exercícios com trampolim

Salto Básico no Trampolim

O exercício mais simples no trampolim é o salto básico. É um salto comum e normal, mas mais cuidadoso e melhor executado. Isso significa que você deve prestar atenção aos movimentos que você faz para dar o salto. Este salto é simples, mas queima muitas calorias e tonifica as coxas, nádegas e panturrilhas.

Mulher fazendo saltos na cama elástica

Para colocá-lo em prática você só tem que dobrar os joelhos para tomar impulso e pular, você pode colocar as mãos nos quadris para melhorar o equilíbrio.

Os pés devem ter a largura dos quadris e, enquanto você está no ar, seus joelhos estão esticados, mas não tensos. Você pode fazer cerca de 30 repetições, depois de ter feito um aquecimento. Repita até cansar.

Skipping no trampolim

O skipping é um exercício em que você alterna suas pernas, trazendo os joelhos para cima. É um exercício semelhante a um trote mas com os joelhos para cima.

Agora, o skipping é geralmente realizado em uma superfície plana. No entanto, fazê-lo em um trampolim garante os mesmos resultados e sem que os ligamentos e articulações recebam um alto impacto.

O detalhe que você deve prestar atenção ao pular em um trampolim é o equilíbrio e balanço. Provavelmente alternar suas pernas rapidamente é algo complicado no começo, tenha em mente que uma boa execução é mais importante que a velocidade.

Portanto, se for difícil manter uma boa postura, diminua o ritmo e aumente-o quando achar que tem melhor controle de equilíbrio.

Agachamentos com pulo

Os agachamentos com pulo são característicos dos exercícios de Crossfit e calistenia, consistindo em um agachamento seguido de um salto. Este exercício de trampolim irá trabalhar a força abdominal e suas pernas.

Você deve ter cuidado para não dobrar os joelhos muito para frente quando se agacha e depois pula. Você pode colocar os braços na frente ou as mãos na cabeça para ficar estável.

Mulheres realizando exercícios na cama elástica

Estilo livre

Sem dúvida, pular em um trampolim é muito divertido. Este exercício lhe dará a liberdade de fazer os movimentos que você gosta.

Quando saltamos, o momento em que estamos suspensos no ar é bastante oportuno para adotar posições ou mover-se com um passo de dança. Você pode colocar música para tornar o exercício mais energético e aumentar seu desempenho esportivo.

Salto alto

Com cada salto no trampolim, o empuxo da gravidade é desafiado. Portanto, quanto mais você tentar pular, mais energia você usa, o que aumenta o número de calorias que você queima.

Cada pouso no trampolim te dá mais impulso para saltar mais alto, então tome isso como uma vantagem para fazer este exercício.

Você também pode incorporar outras coisas e brincar com a versatilidade do trampolim. Por exemplo, se é um trampolim grande, você também pode fazer piruetas, pular corda, usar pesos de tornozelo ou usar um bambolê (este último irá ajudar a marcar a cintura!).

É essencial que você aproveite o treinamento e a variedade de exercícios que pode fazer e os acessórios que pode usar. Mãos à obra! Ou melhor… Pulos à obra!